windmills by fy

05/07/2010

my name is Joe .

Filed under: Uncategorized — Fy @ 1:57 PM

  M o r a i n e   L a k e

Calgary

Canadá

 

 

 

http://alisenao.blogspot.com/2010/03/verdade.html

 

 

 

Ontem a noite num bate papo  , o assunto do Golfo do México veio à tona novamente .

Muito triste ,  – claro que é muito triste .

É mais que  Horrível .  É  revoltante .

 

 

 

 

 

 

Como tantas outras coisas que graças à internet ,  estamos cientes que acontecem em pleno século XXI .

Mas ondeando pra lá e pra cá , neste papo cabuloso , eu me lembrei de um comercial de cerveja .

Pois é . – lembrei . – de um comercial de cerveja .

 

 

 

 

 

Muitas pessoas me perguntam qual é minha nacionalidade .

As pessoas são assim . Ainda são .

Eu nasci de mãe brasileira e de pai canadense .   E minha mãe quis que eu nascesse no Brasil .

E eu adorei  , porque nasci em um dos lugares mais lindos do planeta .

Mas cresci no Canadá , que também pode – ser chamado  de um dos lugares mais lindos da Terra .

 

 

 

 

 

É difícel , determinar o que é “mais” quando se trata de Natureza .                  Quantos lugares lindos tem a Terra  !

Nasci  aquariana , e talvez por isto ,  não acredito em fronteiras . Minha nação é a Terra , e o ser – humano , minha raça .

E como eu disse , lembrei do Joe e da cerveja .  Vou explicar o comercial , – let’s go , porque eu até pesquisei sobre cerveja  :

 

 

 

 

 

Fundada em Montrea l, em 1786 , a Molson Canadá  é a mais antiga cervejaria da América do Norte

e continua a produzir cerveja no estilo  da cervejaria original .

 

 

 

 

 

 

A empresa fabrica e comercializa uma série de marcas de cerveja  super populares  no Canadá .

Com seus rótulos temos :  Molson Canadian , Molson Export, Molson Dry , Pilsner, Rickard e Creemore Springs .

 

 

 

 

 

 

Através de parcerias com outros grandes fabricantes de cerveja  ,

a  Molson Canadá também oferece várias marcas americanas e outras ,

incluindo a Coors Light , Corona , Miller Genuine Draft , Foster’s Lager e Tiger .

 

 

 

 

 

 Molson   emprega mais de  3.000 pessoas no Canadá e opera seis fábricas em diversos locais do país  :  Vancouver , Toronto  , Montreal ,

Moncton  e St. John’s  , incluindo a Creemore micro –  cervejaria em Ontário .

Molson Canadá  faz parte da Molson Coors Brewing Company .

Pra quem gosta de explorar :  http://www.molsoncoorscanada.com/

 

 

 

 

 

Mas , desde a década de 1980 , a indústria de cerveja na América do Norte vem passando por uma mudança importante ,

o consumo de cerveja nacional começou a diminuir , enquanto o consumo de cerveja importada e microbrewed*  foi subindo .

[microbrewery*  : significa uma cervejaria que produz menos de quinze mil barris por ano ]

O mercado se fragmentou consideravelmente .

Atualmente , os consumidores podem encontrar muito mais  marcas de cerveja  nas lojas do que  há dez anos atrás .

 

 

 

 

 

 

Claro que  a Molson sentiu a diferença – mesmo –  , e em  1999 ,  percebeu que precisava   ” renovar ”  –

rompeu com sua agência de publicidade e contratou

a multinacional Bensimon Byrne e D’ Arcy ,  que encararam a missão de melhorar a posição da Molson no mercado .

 

 

 

 

Foi esta a agência  que produziu o –  I AM CANADIAN !   – o comercial de cerveja  que eu me lembrei ontem  –

http://www.bensimonbyrne.com/

 

 

 

 

 

 

 

Este foi o primeiro de uma nova série de anúncios que promovem marcas top-selling da Molson .

Sem cenários glamourosos , ou os espetaculares  clichês , sem despesa , – apenas com uma idéia : fantástica de inteligente ,

esnobando simplicidade , –

a resposta foi surpreendente : em poucos meses, a  Molson  parecia  um foguete no mercado de ações .

Eles venderam :  Patriotismo .

Era humor : era pra ser engraçado, e é ,  mas de alguma forma … vibrou no coração dos canadenses !

 

 

 

 

 

 

 

Explicando :

Existe uma rixa na America do Norte , entre americanos e canadenses , bem similar a que existe entre paulistas e cariocas , times de futebol, etc  .

Simplificando :  quem nasce no Canadá é caipira , é bobo …  , coisas  assim . – que com a insistência , acabam irritando , porque são desmerecedoras .

Eu sempre digo que sou caipira , porque cresci nas pradarias .

Não é nada sério , mas , mesmo sendo ” até ” engraçada , é uma rixa .

alguma coisa ”  bem ” assim :

A princípio , o comercial foi feito com uma  intenção de brincadeira entre canadenses e americanos  ,

– claro que evidenciando algumas críticas : que … vem bem a calhar …

–   foi realizado pelo ator canadense  Jeff Douglas ,  dirigido pelo  americano  Kevin Donovan e  escrito pelo canadense  Glen Hunt .

 

 

 

 

 

 

Os próprios americanos criticam muito seu país , naquilo que deve ser criticado .

O comercial ganhou o prêmio Gold Quill da  indústria da publicidade em 2001 .

Ele deu origem  a uma série de outros que se desenvolveram dentro deste parâmetro brincalhão ., como este aí acima.

 

 

 

 

 

 

Mas ,  ocorreu um fenômeno , uma reação inesperada  : o comercial,  praticamente virou hino nacional .

Foi um sucesso surpreendente.

E isto aconteceu , porque mexeu com um sentimento , que embora esteja adormecido no coração  dos homens , existe ,  – e  é vital .

O sentimento de  ORIGEM .  O  sentimento de SER  : de Estar , de fazer parte .

Um sentimento de Orgulho pela nossa  origem , nossa  humanidade , nossa  Terra .

 

 

 

 

 

 

O  comercial se refere a um homem , simples , normal : o Joe .

Alguem  deveria , fazer um comercial com urgência – muita urgência – que fosse capaz de atingir os terrestres , da mesma forma como este atingiu os canadenses ,

que aliás é um país onde a diversidade de culturas e origens é completamente pacífica  e natural ,

haja visto  Toronto , a  capital econômica  e maior cidade do Canadá, com 4 milhões de habitantes de 100  :   > 100  culturas diferentes  .

 

 

 

 

 

 

Algo … neste comercial  fez com que todos : estrangeiros e nativos , se sentissem : canadenses .

E é isto , que ” curiosamente ” ,  ” urgentemente ”  também , estamos precisando , nos sentir :  Terrestres . Todos .

Orgulhosamente  Terrestres .

… não deixa de ser engraçado !

Ou ninguém mais quer ter filhos ?

Os que tem …  – o que pensam ?

… Acho que este post é mais indicado pra quem “ é ”  – …  simplesmente  e  de  verdade  .

 

 

 

 

 

 

 –  O   Joe  :

Hey ,

I’m not a lumberjack ,

or a fur trader …

and I don’t live in an igloo

or eat blubber , or own a dogsled …

and I don’t know Jimmy , Sally or Suzy from Canada ,

although I’m certain they’re really , really nice .

I have a Prime Minister ,

not a President .

I speak English and French ,

Not : American .

and I pronouce it ABOUT,

NOT A BOOT .

I CAN PROUDLY SEW MY COUNTRY’S FLAG ON MY BACKPACK .

I BELIEVE IN PEACE KEEPING , NOT POLICING .

DIVERSITY , NOT ASSIMILATION ,

AND THAT THE BEAVER IS A TRULY PROUD AND NOBLE ANIMAL .

 


 

A TOQUE IS A HAT ,

A CHESTERFIELD IS A COUCH ,

AND IT IS PRONOUCED ‘ ZED ‘  NOT ‘ ZEE ‘ , ‘ ZED ‘ !

CANADA IS THE SECOND LARGEST LANDMASS !

THE FIRST NATION OF HOCKEY !

AND THE BEST PART OF NORTH AMERICA !

MY NAME IS JOE !

AND I’M CANADIAN !

 

 

Hey ,

Eu não sou um lenhador ,

ou um comerciante de peles …

que só come gordura

e eu não vivo em um iglu ,

ou possuo um trenó puxado por cães …

e eu não sei sobre o  Jimmy ,

sobre a Sally  ou a  Suzy do Canadá ,

embora eu tenha certeza que eles realmente , realmente  são gente muito  muito  boa .

Eu tenho um Primeiro-Ministro ,

Não : um presidente .

Falo Inglês e Francês ,

NÃO : americano .

e eu pronuncio  it  ABOUT :

NOT A BOOT .

POSSO  ORGULHOSAMENTE  COSTURAR  A  BANDEIRA  DO  MEU  PAÍS  NA  MINHA  MOCHILA  .

EU  ACREDITO  NA  MANUTENÇÃO  DA  PAZ    – NÃO  DE  POLÍCIA  .

ACREDITO  NA  DIVERSIDADE    – NÃO   NA   ASSIMILAÇÃO .

E  ACREDITO  QUE  O  CASTOR  É  UM  ANIMAL  VERDADEIRAMENTE  ORGULHOSO  E  NOBRE  .

A  toque is a hat ,

A chesterfield is a couch

and it is pronounced ‘ Zed ’  not : ‘ Zee ’ : ‘ Zed ’ !

O  CANADÁ  É  O  SEGUNDO  MAIOR  CONTINENTE  !

A  PRIMEIRA  NAÇÃO  DO  HÓQUEI  !

E  A  MELHOR  PARTE  DA  AMÉRICA  DO  NORTE  !

MEU  NOME  É  JOE  !

E  EU  SOU  CANADENSE  !

pois é , por mais engraçado que seja o comercial , ele tem sim,  um certo chamado , um apelo ,  que  emociona .

É alguma coisa  , que eu cresci aprendendo ser : Dignidade .

Mas também , como é possível habitar um planeta assim :  sem ter Dignidade ? :

Moraine  Lake  in  Banff   National  Park

Calgary  –  Canadá

Hey,

A Terra é nosso continente .

A única nação que temos .

É a nossa e é a melhor parte do mundo !

Meu nome é Gente !

E eu sou Terrestre !

” E  ACREDITO  QUE  O  CASTOR  É  UM  ANIMAL  VERDADEIRAMENTE  ORGULHOSO  E  NOBRE  . “

.

AND THAT THE BEAVER IS A TRULY PROUD AND NOBLE ANIMAL .

Fy

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

27 Comments »

  1. Meu nome é Adriano.
    Eu sou terrestre.

    Comment by anônimo — 05/07/2010 @ 11:05 PM

    • Adriano, seja muito bem vindo, olha que legal o que voce fez : todos os comments começaram como o seu.

      obrigado.

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 11:45 AM

  2. Meu nome é Gente.

    Eu sou Terrestre.

    Essa água brilhante que escorre nos riachos e rios não é apenas água, mas o sangue de nossos antepassados.

    Se lhes vendermos a terra, vocês devem lembrar-se de que ela é sagrada,

    e devem ensinar às suas crianças que ela é sagrada e cada reflexo nas águas límpidas dos lagos fala de acontecimentos

    e lembranças da vida do meu povo.

    O murmúrio das águas é a voz de meus ancestrais.

    Os rios são nossos irmãos, saciam nossa sede.

    Os rios carregam nossas canoas e alimentam nossas crianças.

    Se lhes vendermos nossa terra, vocês devem lembrar e ensinar a seus filhos que os rios são nossos irmãos, e seus também.

    E, portanto, vocês devem dar aos rios a bondade que dedicariam a qualquer irmão.

    Chefe Seattle

    que não entendia nada sobre a bondade do homem branco.

    TocaYo

    Comment by TocaYo — 06/07/2010 @ 2:17 AM

    • Esse destino é um mistério para nós,

      pois não compreendemos que todos os búfalos sejam exterminados,

      os cavalos bravios sejam todos domados,

      os recantos secretos da floresta densa impregnados do cheiro de muitos homens,

      e a visão dos morros obstruída por fios que falam.

      Onde está o arvoredo? Desapareceu. Onde está a águia? Desapareceu.

      É o final da vida e o início da sobrevivência”…

      Chefe Seattle

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 11:51 AM

  3. Meu nome é João Pedro.

    Sou Terrestre também.
    E isto tá começando a ficar complicado, perigoso.
    É, bom ter filhos. Pensar em ter filhos .
    Mas, é preciso pensar.
    Pensar muito.

    depois volto,
    beijo
    João Pedro

    Comment by João Pedro — 06/07/2010 @ 2:49 AM

    • Mas, é preciso pensar.
      Pensar muito.

      que post triste ,não?

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 11:52 AM

  4. Meu nome é Gabriel.

    Eu sou terrestre.

    Comment by Gabriel — 06/07/2010 @ 3:14 AM

    • tem gente que acha que não.

      bjs
      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 11:53 AM

  5. Eu sou o Vítor.

    E sou terrestre.

    e olha o que acontece com os terretres (é longo, mas vale a leitura)

    No início desta semana a Reuters reportou que uma enorme quantidade de metano foi descoberto no Golfo do México. O professor da oceanografia da Universidade Texas A & M John Kessler afirmou que os níveis de gás metano em algumas áreas são “surpreendentemente elevados”. Kessler recentemente retornou de uma expedição de pesquisa de 10 dias próximo ao vazamento de petróleo da BP. A equipe de Kessler mediu as águas superficiais e profundas num raio de 5 milhas (8 quilômetros) do poço de petróleo destruído da BP. “Há uma incrível quantidade de metano por lá,” Kessler disse a repórteres. Ele disse que o nível pode ser algo em torno de um milhão de vezes o nível normal.

    No final de maio a BP admitiu que o metano representa cerca de 40 por cento da massa do petróleo que está vazando. Além do metano, grandes montagens tóxicas de sulfeto de hidrogênio, benzeno e cloreto de metileno, entre outros, estão vazando para o Golfo de acordo com a EPA.

    Lindsay Williams, um ex-capelão de oleoduto do Alasca, com fortes conexões com a alta da indústria do petróleo, disse no Alex Jones Show em 10 de junho que gases mortais estão realmente escapando do poço.

    O jornalista investigativo Wayne Madson, escrevendo para o site Oil Price, afirma que suas fontes dentro do governo federal, FEMA, e do Corpo de Engenharia do Exército dos Estados Unidos estão lidando com uma possível “zona morta”, criada pelo metano dentro de um raio de 200 milhas (321 kms) a partir do desastre da Deepwater Horizon.

    Além disso, Madsen reporta que que o COREXIT 9500, o dispersante de óleo utilizado pela BP, de acordo com suas fontes na FEMA, está se misturando com a água evaporada do Golfo. Esta mistura mortal é então absorvida pelas nuvens de chuva e produz precipitação tóxica que ameaça continuar a matar animais marinhos e terrestres, plantas e os seres humanos dentro de um raio de 321 quilômetros do local do desastre do Deepwater Horizon no Golfo.

    De acordo com Madsen, A “zona morta” criada por uma combinação de metano e chuva de COREXIT tóxico, acabará por resultar na evacuação e abandono a longo prazo das cidades e vilas dentro em um raio de 321 quiilômetros do vazamento de petróleo.

    “Os planos estão sendo preparados para a evacuação obrigatória de Nova Orleans, Baton Rouge, Mandeville, Hammond, Houma, Belle Chase, Chalmette, Slidell, Biloxi, Gulfport, Pensacola, Hattiesburg, Mobile, Bay Minette, Fort Walton Beach, Panama City , Crestview, e Pascagoula”, escreve Madsen.

    Em 13 de junho, o SoCal Martial Law Alerts (SCMLA), um fórum para membros postarem alertas de atividades de estado policial ou lei marcial, previu que estados do Golfo seriam evacuados. “Greg Evensen, um policial rodoviário aposentado do Kansas, estima que de 30 a 40 milhões de pessoas terão de ser evacuadas para longe do litoral do Golfo (isto é, pelo menos, 321 quilômetros para o interior),” relatou o SCMLA.

    A fim de realizar esta façanha gigantesca, provavelmente o governo federal (através da FEMA e outras entidades), procuraria primeiro controlar e gerenciar o sistema de transporte e em seguida, operar os centros de realocação para levar os evacuados. Para este fim, a Administração Federal de Aviação (FAA) já declarou que o espaço aéreo sobre o local do derramamento de óleo é uma zona de exclusão aérea até novo aviso. Várias fontes indicaram que a polícia local, patrulheiros rodoviários, soldados da Guarda Nacional, militares americanos e estrangeiros podem estar envolvidos em uma operação para evacuar a costa do golfo. Na verdade, a governadora da Louisiana já havia solicitado a assistência de evacuação (ou seja, da Guarda Nacional) para seu estado, do Departamento de Defesa (DoD) e o Departmento de Segurança Nacional (DHS).
    As fontes confiáveis de Madsen agora emprestam credibilidade ao relatório do SCMLA.

    DK Matai, do Huffington Post, relata que segundo estimativas de geólogos, o metano que está escapando para o Golfo pode ter sido parte de uma enorme bolha presa por milhares de anos sob o fundo do mar. “Mais de um ano atrás, os geólogos expressaram o alarme em relação à BP e Transocean colocar seu equipamento exploratório diretamente sobre esse enorme reservatório subterrâneo de metano. Foram feitas advertências antes da catástrofe do Horizon Deepwater de que a área do fundo escolhido no golfo poderia ser instável e inerentemente perigosa”, escreve Matai.

    Matai e outros temem que o metano – sob intensa pressão (especialistas estimam que a pressão deve estar entre 30.000 e 70.000 libras por polegada quadrada) – pode formar uma bolha que então romperia o fundo do oceano e e irromper com uma explosão.

    “A bolha é susceptível de explodir para cima impulsionada por mais de 50.000 psi de pressão, rompendo através de rachaduras e fendas do fundo do mar, fraturando e rompendo quilômetros do fundo do oceano com uma única extrema explosão”, explica Matai. “Se a bolha de gás tóxico explodir, poderia simultaneamente desencadear um tsunami viajando a uma velocidade de centenas de quilômetros por hora. A Florida poderia estar mais exposta à fúria de uma onda de tsunami. A costa do Golfo inteiro estará vulnerável se o tsunami acontecer. Texas, Louisiana, Mississippi, Alabama e região sul da Geórgia podem experimentar os efeitos do tsunami, segundo algumas fontes.”

    Não é certo se o governo federal está preocupado com a perspectiva de um tsunami. No entanto, se as fontes Madsen são corretas, ele estaria “preocupado” com a liberação de sulfeto de hidrogênio mortal, benzeno, cloreto de metileno, e a perspectiva de chuva tóxica.

    A evacuação em massa dos países do Golfo seria impossível sem uma declaração de lei marcial. No rescaldo do furacão Katrina, o governo declarou lei marcial em Nova Orleans e no sul da Costa do Golfo – que foi considerado um “estado de emergência”, não oficialmente lei marcial – e isso deu origem à maior mobilização militar desde a chamada Guerra Civil. As tropas de combate equipadas e contratados privados foram de casa em casa para fazer valer a remoção completa da população civil em Nova Orleans e para também confiscar armas deixando os moradores indefesos.

    Além disso, a FEMA impôs com punho de ferro a censura da mídia. Em 7 de setembro de 2005, Brian Williams da MSNBC informou que a cidade tinha “atingindo um nível de quase-saturação de militares e policiais.” Williams e sua equipe foram obrigados a parar de tirar fotografias de tropas da Guarda Nacional. Williams disse que ele teve “a sensação palpável de que essa área é de alguma forma separada dos Estados Unidos.”

    Com efeito, se a Flórida e os estados do Golfo forem evacuados como previsto – e, novamente, as fontes de Madsen são geralmente impecáveis – uma grande parte do país será separada dos Estados Unidos e colocada sob lei marcial.

    Em um outro artigo do Washington Post, Matthew Simmon, membro do CFR, dono de um banco de investimento em pesquisas de energia e com fortes ligações com a indústria do petróleo, afirmou em resposta a uma possível tempestade tropical que se forma no Caribe: “Nós teremos que evacuar os estados do Golfo. Você pode imaginar a evacuação de 20 milhões de pessoas? Esta história é 80 vezes pior do que eu pensava”.
    Segundo o Centro Nacional de Furações (NHC), publicado no Baltimore Sun, “Há uma chance média (40%) deste sistema se tornar um ciclone tropical durante as próximas 48 horas”.
    Mais recentemente, o NHC reportou através da MSNBC, “há uma chance 80 por cento que um sistema de baixa pressão se desenvolvendo no Mar do Caribe possa aumentar e siga em direção ao Golfo”

    Fontes:
    Infowars: Methane and Martial Law in the Gulf of Mexico
    Reuters: Methane in Gulf “astonishingly high”: U.S. scientist
    LiveScience: Methane Tracking Could Size Up Gulf Oil Slick
    OilPrice: Government Insiders: Get Ready for the Gulf “Dead Zone”
    Relatório do SCMLA: Gulf Coast Evacuation Scenario Summer/Fall 2010
    Huffington Post: Gulf Oil Gusher: Danger of Tsunamis From Methane?
    Washington Post: Each day, another way to define worst-case for oil spill
    Baltimor Sun: Storm clouds in the Caribbean
    MSNBC: Storm system may slam Gulf, BP cleanup sites

    Comment by Vítor — 06/07/2010 @ 4:06 AM

    • Vitor pelo que eu entendi, o lance é que isto pode ficar pior ainda ?

      —————–
      Matai e outros temem que o metano – sob intensa pressão (especialistas estimam que a pressão deve estar entre 30.000 e 70.000 libras por polegada quadrada) – pode formar uma bolha que então romperia o fundo do oceano e e irromper com uma explosão.

      “A bolha é susceptível de explodir para cima impulsionada por mais de 50.000 psi de pressão, rompendo através de rachaduras e fendas do fundo do mar, fraturando e rompendo quilômetros do fundo do oceano com uma única extrema explosão”, explica Matai. “Se a bolha de gás tóxico explodir, poderia simultaneamente desencadear um tsunami viajando a uma velocidade de centenas de quilômetros por hora …

      ——————–

      ?

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 11:56 AM

  6. eu fico tão nervoso que até errei: terrestre,desculpem a falha.

    Vitor Simmonsen

    Comment by Vítor — 06/07/2010 @ 4:08 AM

  7. É foda mesmo, Vítor.

    Olha isto:

    Se você vive em uma região que foi impactado por Alex ou não, esta tempestade foi um lembrete importante pra se tomar medidas imediatas, pra se preparar para a temporada de furacões. A próxima catástrofe não é uma questão de se , Mas quando.

    Os especialistas estão prevendo uma temporada de furacões ativa, e o furacão Alex deve servir como um lembrete para todos aqueles que vivem em estados costeiros que agora é a hora de se preparar com antecedência por conta de desastres …

    O jornalista investigativo Wayne Madson, escrevendo para o site Oil Price, afirma que suas fontes dentro do governo federal, FEMA, e do Corpo de Engenharia do Exército dos Estados Unidos estão lidando com uma possível “zona morta”, criada pelo metano dentro de um raio de 200 milhas (321 kms) a partir do desastre da Deepwater Horizon.

    Além disso, Madsen reporta que que o COREXIT 9500, o dispersante de óleo utilizado pela BP, de acordo com suas fontes na FEMA, está se misturando com a água evaporada do Golfo. Esta mistura mortal é então absorvida pelas nuvens de chuva e produz precipitação tóxica que ameaça continuar a matar animais marinhos e terrestres, plantas e os seres humanos dentro de um raio de 321 quilômetros do local do desastre do Deepwater Horizon no Golfo.

    De acordo com Madsen, A “zona morta” criada por uma combinação de metano e chuva de COREXIT tóxico, acabará por resultar na evacuação e abandono a longo prazo das cidades e vilas dentro em um raio de 321 quiilômetros do vazamento de petróleo.

    “Os planos estão sendo preparados para a evacuação obrigatória de Nova Orleans, Baton Rouge, Mandeville, Hammond, Houma, Belle Chase, Chalmette, Slidell, Biloxi, Gulfport, Pensacola, Hattiesburg, Mobile, Bay Minette, Fort Walton Beach, Panama City , Crestview, e Pascagoula”, escreve Madsen.

    FEMA (Federal EmergencyManagement Agency – Departamento Federal de Administração de Emergências)

    Cara, isto é preocupante.

    Filhos da Puta: DK Matai, do Huffington Post, relata que segundo estimativas de geólogos, o metano que está escapando para o Golfo pode ter sido parte de uma enorme bolha presa por milhares de anos sob o fundo do mar. “Mais de um ano atrás, os geólogos expressaram o alarme em relação à BP e Transocean colocar seu equipamento exploratório diretamente sobre esse enorme reservatório subterrâneo de metano. Foram feitas advertências antes da catástrofe do Horizon Deepwater de que a área do fundo escolhido no golfo poderia ser instável e inerentemente perigosa”, escreve Matai.

    Foram feitas advertências antes da catástrofe do Horizon Deepwater de que a área do fundo escolhido no golfo poderia ser instável e inerentemente perigosa”, escreve Matai.

    inacreditável !

    Comment by TocaYo — 06/07/2010 @ 4:31 AM

  8. Tocayo,dê uma olhada neste site:

    http://www.livescience.com/php/multimedia/album_view.php?gid=1934&page=1

    Abraço a todos,
    Vitor Simmonsen

    Comment by Vitor — 06/07/2010 @ 4:40 AM

    • Vítor e TocaYo,

      O louco é que ninguem se toca.

      As pessoas vêem o pelicano e pensam que moreu uns 3 ou 4 .

      É assustador mesmo.

      Este Matai é um reporter – denúncia!

      Mas a Terra aguenta , quem não aguenta são os humanos .

      vou colocar em ingles, tá bem, mas olha o que eu achei neste site , Tocayo:

      Can Earth Survive?

      By Jeremy Hsu, LiveScience Senior Writer

      posted: 21 June 2010 10:27 am ET

      The millions upon millions of gallons of oil hemorrhaging into the Gulf of Mexico every day is a crude reminder of the many ways humans are fouling the planet. As forests are cleared, cities and suburbs paved and expanded, as the air and sea warm and become increasingly polluted with cancer-causing chemicals and garbage, and with species dropping like flies, the planet’s health is being challenged in ways that have not occurred in its entire 4.5-billion-year existence.

      Can Earth survive?

      The simple answer is a resounding “yes.”

      continua : não deixem de ler :

      http://www.livescience.com/environment/can-earth-survive-100621.html

      que triste.

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 4:59 AM

  9. Também tô nessa!

    Meu nome é Carolina.
    Eu sou Terrestre.

    Terrestre Fucking Angry!

    Com que direito?

    Coitadas daquelas pessoas. A tal empresa vai indenizar todo mundo?

    onde nossas crianças vão brincar?
    Carol
    bjs tristes.

    Comment by Carol — 06/07/2010 @ 5:49 AM

  10. Faz tempo que eu não comento, né?
    Eu não ia nem comentar.
    Acho que alguem comentou no outro post que estava nauseado.
    Eu também me sinto nauseado.
    Queria tanto dar um banho de petróleo nestes caras, e assistir , como eles iriam se sentir.
    Além dos animais, eles vão deixar o povo todo lá, sem saber se estão sendo envenenados ou não.
    Vamobora pro Canadá, Fy. Casa comigo e vamos viver lá no Moraine.
    Estão roubando meu mar.

    Meu nome é Dennis.
    Eu sou terrestre, acho.

    Nós estamos é angry e FUCKED.

    Dennis Oil.

    Comment by Dennis — 06/07/2010 @ 6:01 AM

  11. Meu nome é Wilson.

    Eu sou terrestre.
    Ainda.
    Sem comentários.Vamos esperar pra ver.
    Que mais agente pode fazer?
    Abraços Wilson

    Comment by Wilson — 06/07/2010 @ 6:20 AM

  12. um brinde para nós seres “humanos” a regra é essa, desastres naturais, exterminio de especie, poluição, lixo em todos os lugares vamos destruir tudo em nome do progresso, e vamos crê … orar … afinal jesuis esta voltando, o planeta tem q ficar preparado pra sua volta, temos pouco tempo para destruir tudo, afinal somos feitos a imagem e semelhança de “jesuis”, o resto da vida na terra que se foda, nao existe paraiso para eles, mesmo. Animais , plantas todo nossa ecologia , nossa vida , não entra no céu …. e aí vai.

    Comment by Zelia — 06/07/2010 @ 10:43 AM

  13. Houve e ainda vai haver protestos planejados em mais de 30 cidades do mundo: Sacramento, San Diego, Concord, Daytona Beach, Dallas, Houston, Boston (EUA), Berlim (Alemanha) e Johannesburg (África do Sul).

    Este movimento de protestos foi iniciado no Facebook. Nas páginas como Boycott BP e Worldwide Protest BP Day, centenas de milhares de pessoas em toda parte do mundo manifestaram suas indignações com essa catástrofe ambiental e com o histórico de segurança sinistro de BP e sua inabilidade de parar o vazamento de óleo.IMCOMPETENTES! ainda por cima. Virou uma confusão.
    A tal da British Petroleum é uma corporação multinacional que ganha BILHÕES de lucro todo ano. Suas marcas incluem BP, Arco, Amoco, am/pm, Aral, Wild Bean Café e Safeway Gas.

    Fy,o mundo tá boicotando a BP.

    Que desastre,triste,tô muito triste.

    Eu sou Juliana.
    Eu sou terrestre.

    terrestre como aquelas aves,igual a 8.300 espécies ameaçadas no Golfo do México.

    bjos tristes
    Ju

    Comment by Juliana — 06/07/2010 @ 11:20 AM

  14. Não importa o nome.Eu sou terrestre.Será que essa tragédia de proporções desconhecidas finalmente vai nos obrigar a reduzir o consumo de petróleo depois de testemunhar um dos maiores desastres ambientais da história?

    http://translate.googleusercontent.com/translate_c?hl=pt-BR&langpair=en%7Cpt&u=http://www.csmonitor.com/CSM-Photo-Galleries/In-Pictures/Sticky-mess-The-Gulf-oil-spill-s-impact-on-nature/(photo)/20&rurl=translate.google.com.br&usg=ALkJrhhzieRaku_y6ykNDOFY_Og9b4eUkQ

    legal teu blog.

    Comment by ANÔNIMO — 06/07/2010 @ 11:28 AM

    • Nossa anônimo , que fotos , hem?

      Olha, eu queria muito acreditar que sim. Mas o ser humano esquece tudo com tanta facilidade.

      “…Uma vida grandiosa pulsa com o coração gigante da Terra,

      E tomara que as ondas de um único ser rolem do germe sem fim ao homem

      Pois somos parte de toda rocha, pássaro, animal e montanha,

      Unos com as feras que nos atacam E unos com as que matamos.”

      Oscar Wilde, Panthea

      Welcome.

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 06/07/2010 @ 12:12 PM

  15. tudo o que eu queria era este castor.

    protesto ao seu lado.

    vamos confiar na natureza,em seu poder de regeneração.

    me parece o mais seguro.

    duda

    Comment by duda — 06/07/2010 @ 1:55 PM

  16. Olá humanos,

    Ando pressentindo que não sou terrestre….

    Será que ando louco?

    Comment by caio — 06/07/2010 @ 3:16 PM

    • ôoba Caio,

      Eu ia até pedir pra Fy passar teu comentário lá do Hurting… pra cá,mas ela viajou, e eu não tenho a senha, mas posso te garantir que não, não tá louco não.

      Quando me sinto estranho a esta corja toda, ou aos não-sou, ou aos que nunca descobrem quem são e por aí vai… um sem fim de solitários egoístas e egocêntricos, eu me sinto mais simpático pra mim mesmo, amigo. Sinto alguma coisa melhor em mim.

      Isto é um sintoma inegável de que voce está se tornando mais Humano, e terráqueo sem dúvidas ou oportunismos.

      É minha opinião.

      Muito legal o Pena que foi ontem. parabéns, Caio.

      Estamos aê pro próximo,
      Abraço
      TocaYo

      Comment by TocaYo — 08/07/2010 @ 11:43 AM

  17. Oi todos, eu faço questão de me unir ao protesto e ao sentimento de revolta de voces.
    Sabe-se lá mais do que estamos a mercê.
    Será que isto tambem não é frito do nosso desinteresse?
    Da nossa mania de pensar só nagente?
    Eu sou Camila.
    Eu sou terrestre.
    abraços

    Comment by Camila — 08/07/2010 @ 2:27 PM

  18. Hehe… Fala TocaYo,

    é por aí mesmo…..

    o sentimento de estranhamento é bom pois nos faz estar alertas ao que somos e o que podemos fazer para melhorar….

    uma curiosidade: Tocayo é seu apelido?, um nickname de net?

    abrs!

    Comment by caio — 08/07/2010 @ 2:29 PM

    • Tocayo em espanhol significa xará, e eu tenho o mesmo nome que meu avô, Alexandre, nascido na Espanha. Ele me chamava Tocayo desde que nasci. É meu apelido.E é engraçado porque todos me conhecem por Tocayo, poucos por Alexandre.

      Abraço aê
      TocaYo

      Comment by TocaYo — 08/07/2010 @ 2:46 PM


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: