windmills by fy

29/07/2010

porque a Lua menstrua

Filed under: Uncategorized — Fy @ 6:00 AM

 

 

 

 

 

 

 

                                                                                                                                                       Aviso  da  Lua  que  Menstrua 

                                                                                                                                                                                                     Elisa Lucinda 

  

 

 

por Pedro Jones

Uma homenagem a todas as Mulheres

  

  

  

Moço ,

cuidado com ela !

Há que se ter cautela com esta gente que menstrua …

Imagine uma cachoeira às avessas :

cada ato que faz , o corpo confessa .

  

Cuidado , moço

às vezes parece

                     erva ,

          parece hera

  

  

  

 

  

  

  

  

  

  

  

cuidado

        

         com essa gente que gera

                      essa gente

           que se metamorfoseia

  

              metade legível 

                             . 

                      metade … 

                       sereia

                            .

  

  

  

  

Barriga cresce ,

explode humanidades

e ainda volta pro lugar

 que é o mesmo lugar

mas é outro lugar ,

aí é que está :

  

  

cada palavra dita ,

… antes de dizer , homem ,  

reflita …

Sua boca maldita não sabe que cada palavra é ingrediente

que vai cair no mesmo planeta panela .

  

  

Cuidado com cada letra que manda pra ela !

Tá acostumada a viver por dentro ,

 transforma fato

em elemento

 a tudo refoga , ferve , frita

 ainda sangra

tudo

no próximo mês .

 

  

 

 

 

Você

que saiu

da fresta dela

 

 

delicada força quando

voltar

a ela .

 

 

 

 

Não vá …

sem ser convidado

ou sem os devidos cortejos  …

 

Às vezes pela ponte de um beijo

já se alcança a ” cidade secreta “

a Atlântida perdida .

Outras vezes várias metidas e mais se afasta dela .

 

Cuidado , moço …

por você ter uma cobra entre as pernas

cai

na condição de ser displicente

diante da própria …

serpente

 

 

 

Ela é uma cobra

 

de

avental

 

Não despreze a meditação doméstica

É da poeira do cotidiano

que a mulher extrai filosofando

cozinhando, costurando e você chega com a mão no bolso

  julgando a arte do almoço :

Eca ! …

Você que não sabe onde está sua … cueca ?

 

 

Ah , meu cão desejado

tão preocupado em rosnar , ladrar e latir

então esquece … de morder … devagar

esquece de saber curtir ,

dividir .

 

E aí

quando quer agredir

chama de

vaca

e

  galinha

 

São duas dignas vizinhas do mundo daqui !

 

 

O que você tem pra falar de vaca ?

 

 

O que você tem eu vou dizer e não se queixe :

VACA é sua mãe .    De leite .

Vaca e galinha …

ora , não ofende .

Enaltece ,

elogia :

comparando

rainha

com

rainha

óvulo , ovo e leite

 

pensando que está agredindo …

que tá falando palavrão imundo …

 

Tá , não , homem .

 

Tá citando o   Princípio do Mundo .

.

 

Elisa Lucinda

 

 

 

Fy

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

34 Comments »

  1. Olá e parabéns pelos dois últimos posts. Já adicionei seu blog aos meus favoritos.

    Lindas fotos, e imaginei o azul como uma referência aos rostos cobertos destas mulheres que não podem falar, ouvir, sentir,se defender ou se rebelar.
    Meninas que crescem com medo. Medo por ser mulher.

    Canalhas que ofenderam as mulheres do mundo inteiro!

    Toda minha solidariedade pra Sakineh, já que não podemos oferecer outra coisa.
    Camila

    Comment by Camila — 29/07/2010 @ 7:18 AM

    • Oi Camila, sou a Ju.

      Canalhas,motherfuckers,e existem tantos covardes como estes por aí.
      Vamos assinar, um dia elas serão livres.
      Ju

      Comment by Juliana — 29/07/2010 @ 11:58 AM

    • Oi Camila,
      seja bem vinda.

      é.
      é revoltante sim. Difícel de acreditar. Pior é saber que um destes monstros esteve aqui. E aquele tal presidente fez questão de abraçar. Aliás ele está abraçando um monte de loucuras, com os nossos braços > o que é pior. Os dele já estão muito gordos.

      Bj
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 2:45 PM

  2. Uma mulher, “a” mulher é uma coisa muito séria.

    Pra se ir descobrindo pela vida afora.

    Tantas nuances. Tanta força. Tantos caminhos.

    Mas não existe viagem igual.

    Salve salve Elisa Lucinda.

    Vou deixar um vídeo muito bem feito. Uma das várias performances de que uma mulher é capaz. Uma delas:

    beijo Fy
    Abraço aê

    João Pedro

    Comment by João Pedro — 29/07/2010 @ 9:11 AM

    • Hi man, que coisa mais linda de linda!

      Faz um post pra nós ?

      Um Homem , “o” homem > também.

      Super – viagens pra vc.

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:30 PM

      • JPedro,

        este wordpress tem cada coisa tão esquisita!
        Não copia!

        corrigindo [ pela 10ª vez ] :

        Pedro :
        Uma mulher , “a” mulher é uma coisa muito séria.

        Fy:

        Um homem , “o” homem , também.

        bj
        meus neurônios ficam vesgos – com sono.
        Fy

        Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:34 PM

  3. Caramba, que poesia! abrs!

    Comment by Caio — 29/07/2010 @ 10:09 AM

    • ahahahahahahah

      Voce não conhecia ?
      A Elisa Lucinda tem coisas muito legais.

      Este Pedro Jones que declama , é um super poeta também .

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:11 PM

      • A Elisa tem uma forma nua de fazer poesia , de escrever. Crua.
        Mas é maravilhosa, marcante e feita com a simplicidade da verdade. Sem bordar , sem sofisticar . Uma mistura dos fatos e da linguagem do coração : o resultado é sempre um bem-levado que só : vale a pena.

        Eu gosto demais dela. Ela escreveu “Só de Sacanagem” – entre outros textos incríveis.

        Adoro a abertura desta peça : também dela: Parem de falar mal da Rotina:

        bj
        Fy

        Comment by Fy — 30/07/2010 @ 1:07 AM

  4. o Princípio do Mundo !

    Comment by Caio — 29/07/2010 @ 10:15 AM

  5. Brusca Poesia Da Mulher
    Vinicius de Moraes

    Minha mãe, alisa de minha fronte todas as cicatrizes do passado

    Minha irmã, conta-me histórias da infância em que que eu haja sido
    herói sem mácula

    Meu irmão, verifica-me a pressão, o colesterol, a turvação do timol, a
    bilirrubina

    Maria, prepara-me uma dieta baixa em calorias, preciso perder cinco
    quilos

    Chamem-me a massagista, o florista, o amigo fiel para as
    confidências

    E comprem bastante papel; quero todas as minhas esferográficas
    Alinhadas sobre a mesa, as pontas prestes à poesia.

    Eis que se anuncia de modo sumamente grave
    A vinda da mulher amada, de cuja fragrância
    já me chega o rastro.

    É ela uma menina, parece de plumas
    E seu canto inaudível acompanha desde muito a migração dos
    ventos

    Empós meu canto. É ela uma menina.
    Como um jovem pássaro, uma súbita e lenta dançarina
    Que para mim caminha em pontas, os braços suplicantes
    Do meu amor em solidão.

    Sim, eis que os arautos
    Da descrença começam a encapuçar-se em negros mantos
    Para cantar seus réquiens e os falsos profetas
    A ganhar rapidamente os logradouros para gritar suas mentiras.

    Mas nada a detém; ela avança, rigorosa
    Em rodopios nítidos
    Criando vácuos onde morrem as aves.

    Seu corpo, pouco a pouco
    Abre-se em pétalas… Ei-la que vem vindo
    Como uma escura rosa voltejante
    Surgida de um jardim imenso em trevas.

    Ela vem vindo… Desnudai-me, aversos!

    Lavai-me, chuvas! Enxugai-me, ventos!

    Alvoroçai-me, auroras nascituras!

    Eis que chega de longe, como a estrela

    De longe, como o tempo

    A minha amada última!

    Êta Vinícuis véio de guerra!

    (quanto à Sakineh me recuso a fazer comentários)

    Beijo a todos
    tio Gus

    Comment by Gustavo — 29/07/2010 @ 10:15 AM

    • Ela vem vindo… Desnudai-me, aversos!

      Lavai-me, chuvas! Enxugai-me, ventos!

      Alvoroçai-me, auroras nascituras!

      Eis que chega de longe, como a estrela

      De longe, como o tempo

      A minha amada última!

      – eu não conhecia isto….

      deve ser inesquecível ter sido amada por Vinícius .
      que mulheres sortudas , maravilhosas .
      Também … depois disto, acho que nem dá pra amar mais ninguém . – nãoénão?

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:18 PM

      • o poeta é um mentiroso nato… menina.

        TocaYo

        Comment by TocaYo — 29/07/2010 @ 5:35 PM

  6. Que lindoooooooooooooooooooooooo!

    Quem é esse cara que declama?

    Quanto orgulho de ser.

    bjinhos
    Ju

    Comment by Juliana — 29/07/2010 @ 11:54 AM

    • Quanto orgulho de ser!

      [ eu quero aquele laço ]

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:19 PM

  7. Tudo seu é intenso.
    Intenso assim,
    como este azul

    sem fim.

    continuo te lendo.
    passeiporaqui

    Comment by passeiporaqui — 29/07/2010 @ 12:46 PM

    • Hi , Mr Mistery !

      muito legal esta coisa meio sinistra.
      passe sempre.

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:41 PM

  8. “Presságios no céu da boca
    avisam ao navegante:

    há perigo e naufrágio
    nas carnes das fendas,
    nas carnes das coxas,
    em falésias envoltas em rendas.”

    F.Perez

    Maravilhoso
    Beijo
    Marianne

    Comment by Marianne — 29/07/2010 @ 2:32 PM

    • Sempre.

      bjs
      Fy

      Comment by Fy — 29/07/2010 @ 3:20 PM

    • Bonito isso, Marianne.

      perigo.naufrágios.carne.coxas,e rendas.
      paraíso dos navegantes.

      TocaYo

      Comment by TocaYo — 29/07/2010 @ 5:32 PM

  9. Não vá …

    sem ser convidado

    ou sem os devidos cortejos …

    beijo

    duda

    Comment by duda — 29/07/2010 @ 3:48 PM

  10. Sublimeeeeeeeeee Fy

    beijos Karina

    Comment by Karina — 29/07/2010 @ 3:58 PM

    • Oi Karina,

      ah como é gostosa esta música.

      Como é bom o amor, sem truques , sem táticas , sem mentiras, sem manual.

      Amor é assim mesmo. É “se” precisar. “Se” ter. “Se” querer. Duas pessoas se amam. Mesmo que sejam diferentes, sintam diferente, o amor é algo que existe em si mesmo, por si mesmo, e os envolve. Vem de mansinho, vai acontecendo, envolvendo e pá. Por isto eu digo sempre: só existe amor “entre” dois.
      Não acredito em amor “só” de um.
      É alguma outra coisa qualquer. E passa logo.
      Se não passar … é doença, obsessão. [ q é com s e não com c – ahahaha – mas ninguem sabe direito … ]

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 30/07/2010 @ 12:56 AM

  11. Mais do que certo. Mas existem mulheres que não se respeitam e não se dão ao respeito.

    E aí ?

    Abço
    Wilson

    Comment by Wilson — 29/07/2010 @ 4:12 PM

    • ôpa Wilson, Aloha

      É verdade.existe sim. mas eu acho que aí então elas passam a fazer parte do enorme número de pessoas que não se respeitam e não respeitam ninguem.

      Infelizmente é uma tendência comum aos dois sexos. respeito por si mesmo é um lance que muitas vezes as pessoas perdem por serem
      desrespeitadas “desde que se recordam” de alguma coisa.e a mulher, por um êrro de avaliação de forças foi a mais atingida, a mais desrespeitada,e a mais covardemente criticada até pela falta de respeito próprio.

      E, derepente se escuta ecoando no mundo inteiro o desrespeito abissal que esta turma de machos desgraçados,e sem vergonha nenhuma, que dirá respeito, apedrejando uma mulher de quem nada se sabe, nem mesmo o rosto, e de quem nada se conseguiu provar.

      Não se dar ao respeito, não é um problema de mulher. É do caráter. É dos fracos e dos covardes.
      Ou dos que nunca foram respeitados.

      Abraço aê

      TocaYo

      Comment by TocaYo — 29/07/2010 @ 5:25 PM

  12. Aloha povo todo.

    pro teu post azul:

    Recordo o itinerário das sombras quando o chão
    apresenta sua harpa mortal e nos muros eclode
    o desejo de música.

    A minha vocação lírica
    demora-se nos teus dedos, existe e regressa
    com o sal das noites.

    Três luas ensaiam
    uma estratégia no invisível.

    Posso recolher o mel da inesperada estação,
    amar os teus lábios.

    Posso ver cair os frutos, na distância,
    aspirar ao sentido ardente dos cometas,
    entrever o poema que oscila por trás das cortinas.

    As três luas são um enigma,
    e os enigmas sabe-se que são sinais

    As luas arrebatam o sono inquieto das cancelas terrestres,
    comboios avançam sobre pétalas, queimam a geada,
    derrubam o eterno das montanhas.

    Eu digo,

    eu canto,

    tu danças,

    levitada,

    nos vastos jardins do meu silêncio.

    Vasco Gato

    beijo

    TocaYo

    Comment by TocaYo — 29/07/2010 @ 5:09 PM

    • beijo azul no teu coração.

      Fy

      Comment by Fy — 30/07/2010 @ 12:57 AM

  13. Lindo post.
    Que gravuras lindas,Fy, quanto azul!
    Outro texto extraordinário da nossa Elisa Lucinda na voz da Ana Carolina, que é demais!

    Desta vez, a verdade, a melancolia, a saudade contadas através do ocasional, dos encontros diarios com as coisas da vida, analogias de quem presta atenção nos momentos, nas horas , nos percursos, nos momentos.

    beijos
    (tio) Renato

    Comment by Renato — 30/07/2010 @ 1:29 AM

  14. ooooops

    Comment by Renato — 30/07/2010 @ 1:30 AM

  15. Fy,vou tentar novamente, se não sair coloco o compartihar,depois voce retira?

    Comment by Renato — 30/07/2010 @ 1:33 AM

  16. Comment by Renato — 30/07/2010 @ 1:34 AM

  17. Esse blog é Lindo demais!!!

    Comment by Lu — 30/07/2010 @ 7:41 AM

  18. I must create your website to my best blogroll you should figure out precisely what spine can i use?

    Comment by Belstaff Giacca Donne Nero BJ02 — 25/11/2011 @ 12:40 PM

  19. I see that you’re making use of WordPress platforms against your weblog, word press is the greatest.No

    Comment by Camiseta Real Madrid baratas — 11/12/2011 @ 4:17 PM


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: