windmills by fy

29/08/2010

another queen

Filed under: Uncategorized — Fy @ 4:42 AM

 

 

 

 

 

 

 

 

Despotencializando poderes  mal explicados 

impedimos que uma porção de   “ vilões ” continuem sabotando a Vida .

“ Vilões ” Imaginários , make ups encomendados ,

são ferramentas tendenciosamente planejadas

e  elaboradas  para construir e manter

um controle artificial .

Devem ser derrotadas –

desativadas

para que se possa seguir a voz do coração .

 

 

 

 

 

Quando acreditamos que tudo é tão sério , perdemos o poder de jogar conscientemente com a matrix ,

perdemos a possibilidade de jogar neste jogo e acabamos por nos reduzir muito .

Enquanto estamos transitando por estes canais , nas extensões das nossas próprias Realidades ,

podemos tirar proveito desta situação se tivermos Consciência do modo pelo qual funcionamos ,

utilizando toda energia do próprio meio para criarmos as nossas Realidades com mais Consciência

e principalmente a nosso favor .

A favor dos Homens .

 

 

 

Existe uma imensa Realidade holográfica e um algo além que nós ainda não alcançamos .

É importante estarmos cientes das nossas ilusões

e decidirmos rasgar o véu de uma vez por todas .

Abrindo sempre espaço para que busquemos o que tem antes ou além ,

p o r é m

estando neste Nosso Aqui totalmente dinamizados , no nosso melhor .

 

Isto é ser .   Alguém .

 

 

– another Queen :

 

 

 

Meu show não é um show convencional de rock

Mas uma representação teatral da minha musica

 

 

E como teatro , ele faz perguntas , lhe faz pensar

E lhe leva em uma jornada emocional

Retratando o bem e o mal ,

luz e escuridão ,

alegria e tristeza

redenção e salvação

 

 

Eu não promovo um estilo de vida , apenas descrevo – o

E cabe a audiência julga-lo e tomar suas próprias decisões .

 

 

Isto é o que eu considero    Liberdade de Expressão   e    Liberdade de Pensamento .

 

 

Toda noite antes de subir ao palco eu digo uma oração , não apenas para que meu show corra bem ,

Mas para que a audiência assista – o com Coração e Mente Abertos ,

E o veja como uma celebração de

V i d a 

A m o r

e

H u m a n i d a d e

.

 

 

 

 

 

 –   I’m D O I N G   –

                   Madonna.

 

 

 

 

 

Em Cuba não se pode ter . . .  um blog.

No Irã ela seria apedrejada.

Na Venezuela sumiria . . .

E estes são os modelos do nosso Presidente .

Pense . . .

e só depois :

VOTE .     

 

 

 

Fy

 

 

5 Comments »

  1. que blog lindo adorei o post bjus Si

    Comment by simone — 29/08/2010 @ 11:54 AM

  2. Existem alguns grupos humanos que necessitam afirmar sua suposta exclusividade intelectual diante seus semelhantes a fim de poderem eles próprios encontrarem uma justificativa existencial, sendo essa sempre no enredo de aspectos superiores que somente à eles cabem. Encenam personagens cotidianos onde são partícipes de uma seleta minoria privilegia pela detenção de toda verdade, eles são espertos e seguros, fazem da artificialidade uma mascara de conhecimento e com ela igualmente forjam espadas afiadas, assim de mascara ilusória e espada artificialmente empunhada, ameaçam qualquer um que se intrometa a colocar-lhes um espelho sob a face afim de um reconhecimento de sua natural animal co-igual àqueles que ditam superioridade.
    Esses semi-deuses que ousam caminhar entre nós humanos, carregam sempre junto à si pergaminhos de tramas e tomos pesados, geralmente impressos em alemão ou em outra língua qualquer da qual não compreendem, deve ser um tipo de penitência imputada a esses por sua função de exposição maior, carregar o peso de uma escrita sem mergulharem no espírito por detrás das palavras é a habilidade natural dos seres superiores nesse panteão nada mítico. Odeiam tudo esses semi-deuses, tomam a dor pela usurpação ontológica da palavra até se rederem a estruturação estética capaz de delinear a artificialidade de que tanto precisam esconder seu lado humano, é inconveniente vez ou outra se darem conta que os próprios pelos que carregam em seus corpos divinos que abrigam suas mentes superiores são vestígios do lado mais animal de todo uma evolução em espécie.
    Mesmo com todos esses atributos superiores (experimente carregar todos os livros e cânones filosóficos que eles carregam para lá e cá, assim verá o árduo trabalho muscular superior que eles também exercem) esses semi-deuses ainda cometem um pecado (talvez por isso não sejam deuses completos ainda), o mesmo pecado cometido por todo malandro com diploma de esperto, o pecado de acreditar que todos além deles próprios e seu panteão superior são ingênuos.
    Contudo, deixe-nos em nossa ingenuidade, enquanto interpretam a existência segundo seus métodos de razões apriorísticas e zombam de nós, meros humanos, por conta de nossa inaptidão diante a verdade por vocês desvendada e zelosamente protegida, desculpem-nos, por não vivermos assim como você em uma simulação da vida e sim por ela em toda sua integridade marginal, em dor ou prazer, em intensidade e vitalidade, pela espontaneidade de apenas ser o que somos, sem representação além daquele vinculada a nossas necessidades de interações social. Semi-Deus, nosso louvor as vossas divindades se dão na gargalhadas de nossas alegrias corriqueiras e na simplicidade da verdade de um orgasmo sem culpa.
    Esses semi-deuses conseguiram com seus poderes “divinos-ateísticos” transformar Marx em economia de mercado e liberdade de expressão em ameaça a segurança financeira e patrimonial sustentados por seus cargos estatais. Ah, esses semi-deuses…
    “Pense . . .e só depois :VOTE .” Já o fazem isso por nós,ao menos acreditam nisso esses semi-deuses,ingênuos todos nós. A nossa vingança contra toda a possibilidade de controle e opressão é uma só: O Humor.

    Abraços,

    Marques Patrocínio

    Ps.: Não contem para ninguém,eu e minha irmã fazíamos cover da Madonna para nossa avó, uma exilada da guerra civil espanhola. Minha irmã cresceu e esqueceu, eu que permaneço criança, sou Madonna até hoje debaixo do chuveiro. Ah, minha Madonna tornou-se amante de Chuck Berry, mas isso é outro assunto…

    Comment by Marques Patrocínio — 30/08/2010 @ 9:06 AM

    • Oi meu escritor preferido,

      Contudo, deixe-nos em nossa ingenuidade, enquanto interpretam a existência segundo seus métodos de razões apriorísticas e zombam de nós, meros humanos, por conta de nossa inaptidão diante a verdade por vocês desvendada e zelosamente protegida, desculpem-nos, por não vivermos assim como você em uma simulação da vida e sim por ela em toda sua integridade marginal, em dor ou prazer, em intensidade e vitalidade, pela espontaneidade de apenas ser o que somos, sem representação além daquele vinculada a nossas necessidades de interações social. Semi-Deus, nosso louvor as vossas divindades se dão na gargalhadas de nossas alegrias corriqueiras e na simplicidade da verdade de um orgasmo sem culpa.

      … e a vida é tão rara !

      Não contem para ninguém,eu e minha irmã fazíamos cover da Madonna para nossa avó, uma exilada da guerra civil espanhola. Minha irmã cresceu e esqueceu, eu que permaneço criança, sou Madonna até hoje debaixo do chuveiro. Ah, minha Madonna tornou-se amante de Chuck Berry, mas isso é outro assunto…

      well : eu faço cover da Madonna há 27 anos.

      Um dia … eu chego lá.

      Bj: quero ler sobre este assunto. E todos os que vc postar. Sou fã de carteirinha.

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 01/09/2010 @ 1:29 AM

  3. Quem não é fã da Madonna ?
    Abraço e lindo blog.

    Comment by Tamires — 09/09/2010 @ 3:03 PM


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: