windmills by fy

01/01/2013

Magia ?

Filed under: Uncategorized — Fy @ 6:34 AM

 

 

 

 

 

 

 

 

foto post magia chaplin 1 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

   

foto ballet post magia 2 tumblr_marujzJfiw1qdky6po1_500  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

foto text post magia 1 a 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Well …. lá se vai o velho Dragão .

Descansar por mais alguns anos, indiferente à ressaca esotérica e mórbida

que espasmódicamente tentou apropriar-se de suas asas …

 

 

E a Magia ?

 

 

Ah … esta ,   

 ignorando as mentes medíocres

e suas  tentativas de transformá-la em um mórbido hospício esotérico :

esguelando-a e asfixiando-a em frases amareladas ou em nadas vazios ,

continua brilhando em seu espetáculo de cores Reais .

 

 

Tempo e Magia .

Nobres mensageiros do Desejo e da Vontade .

 

 

Ou … de tudo o que nos trouxe e nos faz estar aqui .

 

 

Magia que não fica …

não se comprime em manuais jurássicos ,

e que  atravessa séculos em suas infinitas transformações.

 

 

Magia :

Exuberância que não aceita fronteiras ou misticismos regionais ,

não respeita mestres ou eruditos ,

não cabe em vazios ,  ou em  linhas ou em épocas ,

ou em nomes e mundos esquisitos .

 

 

 

 

Magia .

A que está em sí mesma ,

A verdadeira , sem verdades que a definam . 

Sem contornos que a limitem .

Sem ideologias que a confinem .

 

Mas  . . .    é preciso pele ,  olhos . . .

É preciso estar .

Porque o segredo é sentir … o segredo é olhar .

 

 

E , porque a Intensidade é uma das minhas magias  preferidas ,

trouxe o prefácio de  McCammon em seu livro-poesia como mensagem de final de ano ,

e meu agradecimento a todos os emails e votos de Alegria e Vida .

 

 

À todos !  

e à todos os que lêem e participam do  Windmills ,

–  I introduce you to and recommend :    

– Mr. Robert R. McCammon em seu insubstituível, soberbamente telúrico  e Mágico  : 

Full Moon 21st March 2008

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sabe ,

eu acredito em Magia .

Eu nasci e cresci em uma epoca mágica ,

em uma cidade mágica , entre os magos .

 

A maioria das pessoas não percebem que vivemos em uma teia de magia ,

conectados pelos filamentos de prata do Acaso e da Circunstância .

 

Mas eu sabia o tempo todo .

 

foto post magia new 1

 

Sabe… Eu acredito mesmo em magia .

 

 

Todos nós nascemos conhecendo a Magia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nascemos com os redemoinhos , incêndios florestais ,

e cometas dentro de nós .

Nascemos capazes de cantar como os passarinhos ,

ler as nuvens e ver nosso destino em grãos de areia .

 

 

 

 

foto post magia hhhggg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Porque aqueles que nos dizem isso

tem medo. . .  –  de nossa liberdade e juventude .

 

 

e porque a Magia que conheciam apenas os envergonhava . . .

e os deixava tristes . . .

pelo que deixaram murchar e morrer em sí mesmos .

 

 

Mas . . .

ah . . . 

Depois de ir tão longe , porém , você não pode reavê-la .

 

foto para post magia nnn nnn nnn tumblr_majar1Tz8h1qk9v3eo1_1280

Você pode ter   ” segundos ”   dela .

 

 

Apenas alguns segundos de saber e lembrar .

 

 

 

 

 

 

 

Quando as pessoas choram no cinema ,

é porque naquela sala escura o ouro fundido da Magia é tocado ,

. . . apenas  . . . momentaneamente .

 

Em seguida , eles saem em direção ao  ” sol da lógica e da razão ”

e ela seca de novo ,

e o coração entristece e . . . não sabem o porque .

 

 

 

 

Quando uma música desperta uma memória ,

quando partículas de poeira girando em um raio de luz tiram a sua atenção do mundo ,

quando você imagina aonde elas  podem estar indo ,

quando  ouve um trem passar em uma trilha distante ,

e imagina onde ele pode estar indo . . .

 

 

você dá um passo   além    de  “você”   . . . e de onde   “você”   está !

 

 

e . . . pelo mais breve dos instantes . . .

você entra  no reino mágico .

 

foto post magia boy 1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

– e eu também .

 

 

EROS TRAÇO DEITADO 1

 

 

 

foto 2012 2013 mexe tumblr_mflc1mlrNa1qa0v77o1_500

 

 

Vodpod videos no longer available.

 

 

foto happy new year scarf tumblr_mfw1xx4Gjt1r15f8xo1_500

 

 

FOTO 2012 2013 B

 

 

Fy

 

FONTE:

 

LIVRO POST DO MENINO MAGIA ROBERT McCAMMON

 

 

48 Comments »

  1. Feliz Ano Novo pessoal!

    té que enfim voces de novo!

    Comment by Jorge — 01/01/2013 @ 8:06 AM

    • Pra vc tb Jorge !

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:07 AM

  2. Boa Noite Windmills,Fy, como é boa esta sensação de ter voces por perto, té que enfim mesmo Jorge!
    Que venha logo este 2013, com muita magia, realizações e felicidade. É o meu, o nosso desejo.Mágico Desejo.
    Um beijo e um grande abraço a todos voces.
    da amiga,
    Sofia Mastrada

    Comment by Sofia — 01/01/2013 @ 8:54 AM

    • Querida Sofia, o mesmo ano cheio de Magia e Felicidade pra vc e para todos os que vc ama!

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:06 AM

  3. feliz 2013. aconteçamos!
    duda

    Comment by duda — 01/01/2013 @ 10:01 PM

    • Feliz 2013, duda !

      Saudades!

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:04 AM

  4. Mais uma vez desejo um grande ano para todos nós.

    Vamos continuar a acontecer, seja lá como for.

    Outro desejo mágico é que o Windmills by Fy continue vivo, transbordando esta magia verdadeira e cheia de vida.

    logo mais agente se vê!

    abraço
    André

    Comment by André — 02/01/2013 @ 4:23 AM

    • Feliz mais que feliz 2013, André !

      Vamos ver se o ano que vem vc para mais por aqui e celebra conosco ! De qq forma, chegando, venha pra cá !

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:03 AM

  5. surpresa boa! Feliz 2013 pessoal! Adorei o post! Que estejamos juntos nesta jornada que se inicia. Vamos que vamos celebrando esta Magia que é viver!
    beijos a todos voces e muita saudade!

    Comment by Adriana — 02/01/2013 @ 5:22 AM

    • feliz 2013 Adriana ! vamos juntos sim ! Viver é celebrar… e Magia é saber disto !

      bjs

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:01 AM

  6. hey this blog is wonderful, following you to see more posts.

    Comment by cintia — 02/01/2013 @ 7:24 AM

    • Thank you , Cintia and be welcome !

      Happy New Year !

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:00 AM

  7. Você sabia que a lua
    Ainda não foi visitada?
    Que há sempre uma lua nova
    Dentro de outra, e encantada

    É lá que vivem as graças
    Que nesta quadra de ano
    A gente sonha e deseja
    A todo gênero humano

    Mas a lua,preguiçosa,
    Nem sempre atende a pedida?
    A gente pede assim mesmo
    Até melhorar a vida

    É tempo de pesquisar no tempo
    Uma estrela nova, um sorriso;
    De dizer á nuvem: sê escultura
    E a escultura: sê nuvem.

    Tempo de desejar, tempo de pensar
    Madura e docemente o bom de acontecer
    (e mesmo não acontecendo fica desejado),
    pássaro-mensageiro, traço
    entre vida e esperança
    como satélite no espaço.

    Na volta da esperança
    um princípio de vida:
    ser outra vez criança
    por toda, toda vida.

    Carlos Drummond

    New Beginnings!
    Marianne

    Comment by Marianne — 02/01/2013 @ 7:40 AM

    • há sempre uma lua nova
      Dentro de outra, e encantada [ !!! ]

      Feliz mais que Feliz 2013, Marianne !

      Nossa eu tava com saudades de vcs !

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 5:57 AM

  8. Que surpresa boa Fy!! Abro meu e-mail e vejo uma fênix ressurgida das cinzas!
    Sobre o texto, não importa que nome se dê – magia, energia, partículas atômicas, conexão, acaso, sincronia – a vida em ação, com todas as suas complexidades, diversidades, mistérios, (aparentes) contradições e acontecimentos, tão inexplicáveis, quanto extraordinários, é a grande protagonista! Um Feliz 2013, minha amada, e vida longa ao Windmills!!!! Beijos!!!!

    Comment by Miriam Waltrick — 02/01/2013 @ 6:16 PM

    • – magia, energia, partículas atômicas, conexão, acaso, sincronia – a vida em ação, com todas as suas complexidades, diversidades, mistérios, (aparentes) contradições e acontecimentos, tão inexplicáveis, quanto extraordinários, é a grande protagonista! –

      Nem fale Míriam !

      então, acho que agora vai sobrar mais tempo pra estes nossos encontros. 2012 foi um ano de mta ação : projetos, trabalho, viagens – e isto é Magia também, não
      é ?

      De qualquer forma é bom demais ter vc por aqui, além do carinho, me sinto lisonjeada. o On the Road está cada vez melhor !!! Adoro qdo vc escreve ! Existe um Demonio… Existe um Anjo … – e muito mais.

      É uma delícia esta sensação de empatia, qq coisa como ler sobre o que agente sente…. escrita assim, de uma forma tão verdadeira. Quem escreve assim … tem um dom ! … é claro que me sinto lisonjeada por vc estar aqui !

      bj

      e Feliz – mais que Feliz 2013 pra vc e todos os q vc ama!

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 6:53 AM

    • Feliz Ano Novo Míriam !

      E a todos os meus melhores votos.

      E quanto ao “não importa o nome que se dê” lá vai o velho Caeiro e sua inesquecível magia, concordando magnificamente com teu comentário:

      O mistério das coisas, onde está ele?
      Onde está ele que não aparece
      Pelo menos a mostrar-nos que é mistério?
      Que sabe o rio e que sabe a árvore
      E eu, que não sou mais do que eles, que sei disso?
      Sempre que olho para as coisas e penso no que os homens pensam delas,
      Rio como um regato que soa fresco numa pedra.
      Porque o único sentido oculto das coisas
      É elas não terem sentido oculto nenhum,
      É mais estranho do que todas as estranhezas
      E do que os sonhos de todos os poetas
      E os pensamentos de todos os filósofos,
      Que as coisas sejam realmente o que parecem ser
      E não haja nada que compreender.
      Sim, eis o que os meus sentidos aprenderam sozinhos: –
      As coisas não têm significação: têm existência.
      As coisas são o único sentido oculto das coisas.

      PESSOA, Fernando. “O Guardador de Rebanhos”. In_____. Poemas de Alberto Caeiro. Lisboa: Ática, 1946 (10ª ed. 1993).

      bom te ver por aqui!

      (tio) Renato

      Comment by Renato — 08/01/2013 @ 4:30 AM

      • Me esqueci, mas este momento do Caeiro deveria ser dedicado a todos os que pensam tanto e, não sentem nada.

        (tio) Renato

        Comment by Renato — 08/01/2013 @ 4:37 AM

  9. Felizzzz Ano Novo pessoas! André, Marianne que lindo! Duda, Míriam (vou te visitar, são 2 Fênix, pelo que eu tô vendo!). O pessoal deve estar chegando de madrugada, o trânsito do litoral tá parado.
    Que o ano da Serpente seja bem vindo pra todos nós!
    bjokas
    Ju

    Comment by Ju — 03/01/2013 @ 1:19 PM

    • Oi Ju! Que bom que nos encontramos por aqui de novo, não? Espero tua visita sim, amada!! Aliás, quero aproveitar para deixar um Feliz Ano Novo para todos!!!! Beijos beijos beijos!!!!

      Comment by Miriam Waltrick — 03/01/2013 @ 1:47 PM

  10. Pra voce tambem Jorge!
    cheers!
    bjokas da Ju

    Comment by Ju — 03/01/2013 @ 1:21 PM

    • Hey YOU !

      Cheguei hj de madrugada : e isto aqui tá um formigueiro ainda !

      FELIZ e mais q FELIZ 2013, Ju !

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 5:56 AM

    • Cheers!

      Comment by Jorge — 05/01/2013 @ 9:14 AM

  11. Well Well
    Voltando e encarando a magia hardcore da metrópole paulista…
    Muito bom o post, Fy, apesar de não ter lido nada do McCammon dei uma olhada no enredo , e gostei. Crítica bem escrita à desumanização.
    Pra quem teve o prazer de ler Mark Twain e mesmo Kerouac, fazendo uma comparação ousada, porem fundamentada na gama de personagens tão reais quanto estigmatizados que circulam nos cenários destes autores, há de se perceber certa semelhança. Posso estar enganado, mas percebí o mesmo gimmick .

    Quanto aos nossos comentários sobre estas leituras, eu diria que isto pertence a um circuito de baixíssimo nível intelectual, Fy. Tambem dei uma olhada e tive a impressão de estar lendo ou relendo um blog muito vazio e muito antigo. Parece aqueles jornais populares que ainda hoje persistem na alternativa e na tendência de que o mais barato é sinônimo de viral . Basta cansar sua atenção com o nível dos comentários. Não dá.

    De resto, é muito bom estar aqui. Um baita ano pra todo mundo que agente conhece e pode abraçar neste ponto de encontro.
    Abraçoaê, e vamos repetir no ano que vem.
    João Pedro

    Comment by João Pedro — 04/01/2013 @ 12:22 AM

    • João, sorte a de vcs que voltaram antes…. – não dá pra comprar pão por aqui ! O mundo veio pra cá !

      Viu ?

      Mas não é uma pena, constatar a decadência de um blog onde já houveram discussões incríveis ?

      Eu acho lamentável, mas… há mto tempo os melhores frequentadores foram sumindo…. Virou uma guerra de insultos e palavrões…. um verdadeiro blog religioso… hahahahaha

      bj

      Feliz mais q Feliz 2013 !

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 5:54 AM

  12. Happy new year, meus caros… que tenhamos dias e noites de lua nova em 2013.

    E por mais histriônico que possa ser, um presente atrasado:

    Comment by Anarcoplayba — 04/01/2013 @ 10:55 AM

    • hi Lawyer ! – And be welcome all year and in your every moon.

      – We don’t have to be high to look in the sky
      And know that’s a miracle open wide –

      Esta frase merece um post ! [ ah… vou usar este vídeo !]

      and:

      If magic is all we’ve ever know
      Then it’s easy to miss what really goes on
      But I’ve seen miracles in every way
      And I see miracles everyday

      /

      Oceans expanding beyond my sight
      And a million stars way above ’em at night
      We don’t have to be high to look in the sky
      And know that’s a miracle open wide

      /

      Look at the mountains, trees, the seven seas
      And everything chilling underwater, please
      Hot lava, snow, rain and fog
      Long neck giraffes, and pet cats and dogs

      /

      And I’ve seen eighty-five thousand people
      All in one room, together as equals
      Pure magic is the birth of my kids
      I’ve seen shit that’ll shock your eyelids

      /

      The sun and the moon, and even Mars
      The milky way and fucking shooting stars
      UFOs, a river flows
      Plant a little seed and nature grows
      Niagara falls and the pyramids

      /

      Everything you believed in as kids
      Fucking rainbows after it rains
      There’s enough miracles here to blow your brains
      I fed a fish to a pelican at Frisco Bay
      It tried to eat my cell phone, he ran away
      And music is magic, pure and clean
      You can feel it and hear it but it can’t be seen

      /

      Últimamente o que chamam de Magia e que já não dá mais pra levar a sério é uma confusão de abóboras fantasiadas que se auto denominam “magos” … – hahaha e ainda se auto ortogam uns títulos muito engraçados [ que vão desde fratters ou qq coisa assim até “neto de bantos” … e não passam de espertos vendendo fórmulas de escapismo para vidas tristes e vazias, incapazes de se transformar .

      Feliz mais que Feliz 2013 !

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 05/01/2013 @ 5:48 AM

  13. Uau ! Acho que respondi pra todos, até agora : eu estava com muitas saudades disto aqui !

    Mas… 2012 foi um ano intenso . E às vzs é preciso mergulhar …

    Eu devo ter começado uns 10 posts nos últimos meses, e fui obrigada a interrompê-los por pura falta de tempo .

    Mas não faltaram assuntos incríveis, reuniões e descobertas maravilhosas .

    Eu agradeço de todo o coração aos emails, ao facebook [ Míriam e Caio ] e a todos as pessoas que me escreveram , sentindo falta destes nossos papos .

    beijos e beijos a todos , e um grande ano pra todos nós !

    Fy

    Comment by Fy — 05/01/2013 @ 7:01 AM

  14. Eu devo de ter uma determinada febre, eu sei. Deve ser um fogo leve que eu peguei do mar, ou de amar, não sei… (mas deve ser da idade.) Acho que o Mundo faz charme, e que ele sabe como me encantar. Por isso, sou levada e vou nessa magia de verdade.

    É no que está acima que eu creio, e que, se não for um abuso, acho que Einstein, Sagan, e tantos mais creram. Assim como declarou Sophia de Mello, há muito de divino no real, há muito com o que se en(cantar) com a realidade que nos circunda. É tão louco pensar em como esta máquina, a máquina do mundo, funciona, e tão delicada, de um equilíbrio-pluma, leve… pensar em todo o trabalho que é, pensar nas engrenagens e nos processos de vida, para que as coisas se dêem, tudo isso já me basta, é Mágico demais.

    Ontem eu fui até o mar. Tenho loucura por ele, vou sempre que posso. E não adianta, aprendi por admiração, a cantá-lo, respeitá-lo, olhá-lo de frente, a luz azul, grandioso, sinuoso, um útero às vistas, por tudo o que ele representa para o tanto de vidas que se formaram a partir de. Eu fico maluca, emocionada, por poder desfrutá-lo, tamanha a sua importância para a existência, para que hoje eu esteja aqui, olhando para a tela do computador, escrevendo pra você. Não bastasse, um céu que, como escreveu Eucanaã Ferraz num de seus poemas, se consemelha a uma “piscina às avessas”. aí, puta merda, já basta, não se precisa de mais nada para se afirmar que a Vida, em si, já é puro encanto. o trabalho é: ad-miração, ad-mirar.

    e eu hei de sentir assim, por toda a minha existência!

    isso aqui, só pra dizer que adorei o post e que também nasci em uma cidade mágica, num mundo mágico, repleto de magos !
    Beijo e feliz Ano Novo
    Bel

    Comment by Isabel — 08/01/2013 @ 2:40 AM

    • Feliz e Maravilhoso ano, Bia ! [ again!]

      Ah… este comment merece um post !

      ” e eu hei de sentir assim, por toda a minha existência!”

      e eu … também !

      bj

      Fy

      Comment by Fy — 16/01/2013 @ 12:14 PM

  15. Que beleza, Bia!
    Feliz Ano Novo a todos, desejo dias e dias magníficos como o de hoje. E já que a Bia nos trouxe o Mar, visitante assíduo de minha janela e eterno inquilino da minha varanda, vou deixar um pouquinho desta beleza toda com voces :

    beijo a todos
    tio Guz

    Comment by Gustavo — 08/01/2013 @ 3:41 AM

  16. Olá e feliz ano novo pra todos os que já disse e para os que eu não disse. São os votos desta familinha aqui. Eu, Gab e André. E que agente cuide deste nosso cantinho com muito carinho, pra que sempre possamos estar aqui contando o que estamos “acontecendo”.
    Mil alegrias e muitos beijos, vamos acontecer 2013!

    Comment by Karina — 08/01/2013 @ 4:16 AM

  17. Hello Fy!
    Entrou em 2013 com tudo!

    É isso aí…

    Como fogos de artifício, deixo esse trecho de Mia Couto para comemorar este início e retorno com uma pólvora suave:

    “…não inventaram ainda uma pólvora suave, maneirosa, capaz de explodir os homens sem lhes matar. Uma pólvora que, em avessos serviços, gerasse mais vida. E do homem explodido nascessem os infinitos homens que lhes estão por dentro.”

    bjo Fy, feliz ano novo!

    Comment by caio — 10/01/2013 @ 8:37 AM

  18. Hello Writer !

    Salve Mia Couto ! – é muito bom de ler, pensar, conhecer !

    Eu fiquei pensando, atravessando esta frase com meu blog e … meus filósofos preferidos, poetas da diferença, das possibilidades, peregrinos da multiplicidade, cujas bases rompem com a filosofia da mesmice e que se propõem a lidar com a criação de conceitos e com a produção de acontecimentos que os atualizem no perpétuo jogo da Vida, nas dobras da infinita Magia existente entre o virtual e o atual .

    Este livro do MacCammon é aquele q eu te falei, qdo vc me perguntou sobre minhas leituras . Olha… é imperdível, sim ! Uma celebração ao Guardador de Rebanhos [ Renato : que lindo ! ] de Caeiro, entre outras coisas lindas , sem esquecer meu bruxo preferido: Spinoza [tb entre outros]. Mia Couto é um destes verdadeiros feiticeiros !

    bj

    Feliz mais q Feliz 2013 ! [ aconteça! ]

    Fy

    Comment by Fy — 13/01/2013 @ 1:56 AM

    • Legal Fy;;; Tem em português o livro do MacCammon?

      gostei muito do trecho que tu postou….

      A vida só vale quando estamos dispostos a estar em estado perpétuo de comoção com ela no dia a dia… Mas é difícil pracaramba…hehe… (Comoção, cosmovisão, contemplação!)

      abrs a todos da galera que comenta aqui no blog tbm
      (miriam, gostei da história pra evitar o suicídio involuntário la no seu blog – os espectros nos rondam…)

      bj

      Comment by caio — 15/01/2013 @ 1:55 PM

      • Caio, eu vou verificar e respondo – A Sofia tb quer.

        Eu tb adorei. Já deu meio que um cansaço esta onda medíocre e vazia cheinha de doutrinas que, intencionalmente, desvalorizam a Realidade, a Vida e … porque não falar o “tempo” ?

        Claro que isto tem a ver com o tambem intencional desvalor do ser-humano. Nossas vidas, nossas batalhas, nossa indignação, ou mesmo vitórias ,nosso suor e nossa Felicidade, passam a ser “coisas ridículas” e – aiaiai – ilusórias …… – esta palavra então … nunca teve um significado tão distorcido … – .

        Vc diz q é difícel estar em comoção com ela no dia a dia .

        Ah … velho Chaplin ….

        Sentimos tão pouco e … pensamos muito .

        E o mais engraçado, talvez irônico, é que sim … nos comovemos, nos “sentimos” full time ! Estamos vivos ! E, na minha opinião isto jamais deveria ser “conceituado”. É aí que começa a tal “pensação ” [ ñ sei como escreve ] . Queremos psicologizar – conceituar [ como se fosse possível ] enfim : empapelar todo o fato de sentirmos. E sentir : é sinonimo de estar vivo . Esquecemos o “Simplesmente” .

        Isto … toma um tempo danado … e mais : gera uma problemática – esta sim: ilusória – que afinal de contas : não existe . E nos rouba um bocado de Vida .

        Alem de nos tornar escravizados por “conceitos fabricados” .

        Salve Nit tb !

        bj

        [ vou ler a Míriam ! ]

        Fy

        Comment by Fy — 16/01/2013 @ 12:38 AM

      • Ah … Caio > não encontrei em portugues …

        Acho q ainda ñ traduziram.

        pena !

        bj

        Fy

        Comment by Fy — 16/01/2013 @ 12:06 PM

  19. Fy, nós já falamos por aqui que o método de Nietzsche em relação a ‘conceitos’ e posso dizer ‘Conhecimento’ , não é só perspectivista, mas também experimentalista.

    Eis o experimento que ele quer aplicar à vida: não mais instrumentalizar a verdade.

    É devido à importância das relações entre ‘verdade’, ‘conhecimento’ e ‘vida’ que nasce na Gaia Ciência a necessidade de se tratar da origem do conhecimento. Entre tais relações, a mais intrigante é a seguinte: são a ‘verdade’ e o ‘conhecimento’ meios para uma vida “melhor” ou é a vida meio para a conquista da ‘verdade’ e do ‘conhecimento’?

    Não mais tomar como verdadeiro aquilo que não o é.

    Caraca, quem aguenta isso? “Quanta verdade suporta , quanta verdade ousa um espírito?” .E na maior parte das pessoas voce percebe que o medo faz preferir continuar com a segurança do ‘conhecimento’. É exatamente disso que Nietzsche está nos chamando, não de cegos, mas de covardes. “Cada conquista, cada passo adiante do conhecimento é conseqüência da coragem, da dureza consigo, da limpeza consigo…”
    (limpeza no sentido de raciocínio, de clareza ou honestidade consigo mesmo)

    Nossa covardia é diretamente proporcional à nossa incapacidade de incorporar a verdade, à nossa capacidade de manipular o ‘conhecimento’ para tornar a vida confortável, suportável, passível. Mas, novamente, a vida não é argumento, ser ‘condição’ para ela, não é prova de veracidade.
    O ‘conhecimento só é possível por causa da crença no ser’ . Precisa-se saber o que é o ‘ser’ (do verbo ‘ser’) , para que se distinga se isto ou aquilo é real.
    Como poderia uma coisa criticar a si mesma, quando pode usar apenas a si mesma para criticar? Assim fazem os doutores sobre a vida. E é cômico . Discute-se um estado de não ser, ‘sendo’. Bastaria dois paragrafos destas doutrinas anti vida pra se perceber que a base de toda a argumentação é a propria vida.

    O grande obstáculo à nossa frente é o medo da dificuldade, do inesperado do não-familiar. Mas eis o pedido que nos é feito: Nitimur in vetitum! (Lancemo-nos ao proibido). E “com este signo vencerá um dia minha filosofia, pois até agora proibiu-se sempre, em princípio, somente… a verdade” . Nietzsche.

    E, com certeza querida, esquecemos a simplicidade. ‘um pouco de possível….’

    beijo a todos
    tio Guz

    Comment by Gustavo — 16/01/2013 @ 10:14 AM

    • … senão ….

      gde beijo – gde comment

      Fy

      Comment by Fy — 16/01/2013 @ 12:04 PM

  20. Fy, apesar do atraso, Feliz Ano Novo para você e para todo o pessoal que escreve no blog!

    O final de 2012, foi uma correria só para mim; representou o final de um ciclo; agora 2013 é o início de um novo, que paradoxalmente irá retomar um outro ciclo do passado – confuso, não? mas pra mim faz sentido – mudança de cidade, local de trabalho, etc.

    Nunca aquela frase “cuidado com o que queres, porque podes conseguir” fez tanto sentido para mim. Afinal, para que haja um novo começo, é preciso que haja um novo final. Seria um eterno retorno do mesmo?

    Para para paradise……..

    Bjs

    Comment by Cléber, billy shears — 20/01/2013 @ 4:37 PM

    • Ah …. : aqui vc não tem atrazo !

      Um super – super mais que feliz ano ! Billy !

      eu estou viajando, mas logo estarei em casa e … – me manda um daqueles seus textos incríveis [ assim q der tempo !] –

      Mudanças ?

      ah … são sempre bem-vindas … apesar de trabalhosas ! tomara q vc esteja mais perto !!!!!

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 24/01/2013 @ 3:15 AM

      • Ei, Fy!

        Hoje escrevi algo, vou te mandar por e-mail – ainda é o mesmo? Se gostar pode postar aqui.

        Bj

        Comment by Cléber, the one and only billy shears.... — 27/01/2013 @ 12:21 PM

  21. Obrigado Dr. abubakar de abubakartempleoflove@yahoo.com você é o melhor
    soletrar rodízio que eu já vi na minha vida o feitiço você escalado para mim
    tem um trabalho muito perfeitamente meu ex-namorado que me deixou por mais de três semanas agora é
    de volta e pedindo desculpas para mim voltar para ele que ele é muito triste para
    a dor que ele me custou e eu estou tão feliz Doctor seu feitiço é bom e me faz
    preencher vivo novamente eu vou manter você compartilhar um bom trabalho em todo o mundo cerca de
    o bom feitiço que você lançou para mim conseguir John de volta e eu também vai dar o seu
    e-mail para todo mundo que está precisando de ajuda como você me disse que você
    pode lançar um feitiço para trazer ex de volta , dinheiro feitiço , feitiço de proteção , lotto
    soletrar , Good feitiço trabalho, Você quer ter um feitiço bebê, Love Spell , e muitos
    outro feitiço que você me disse que você pode lançar para mim se eu precisar delas eu espero que você
    encontrar um lugar para ajudar outros para que eles possam dar testemunhos como eu. médico
    Abubakar por favor ajudar os outros muitas pessoas estão tendo problema para tentar obter ajuda
    de pessoas, mas não há ninguém como você para ajudá-los a resolver o seu problema
    como você faz o Dr. abubakar se alguém precisar da ajuda deste bom homem de contato
    ele via este e-mail abubakartempleoflove@yahoo.com melhores cumprimentos ao Dr.
    Abubakar seu filho Emily dos portugal

    Comment by emily — 31/12/2013 @ 12:03 AM

  22. Free Japan

    This definitely be the next preference. You are perfect, theme team. I Really enjoy the system, fonts along

    Trackback by Free Japan — 06/07/2014 @ 6:51 PM

  23. Hello! Do you use Twitter? I’d like to follow you if that would be ok. I’m undoubtedly enjoying your blog and look forward to new posts.

    Comment by man casual shirts Burst — 03/12/2014 @ 4:38 AM

  24. AWESOME!!!

    Comment by Buy Jimmy Choo Top Handle Bags UK sale — 27/12/2014 @ 7:52 AM

  25. Woah! I’m really enjoying the template/theme of this blog. It’s simple, yet effective. A lot of times it’s very difficult to get that “perfect balance” between usability and visual appeal. I must say that you’ve done a very good job with this. In addition, the blog loads extremely fast for me on Opera. Exceptional Blog!

    Comment by air jordan olympic — 03/01/2015 @ 7:21 AM


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: