windmills by fy

19/06/2014

Platão – Marx e a Formiguinha Z

Filed under: Uncategorized — Fy @ 7:23 AM

foto formiguinha nit

 


foto formiguinha texto 1 CORRIGIDO

Fonte:

Trechos do 1º Capítulo do livro Carta Aberta de Woody Allen para Platão –

Filme : Formiguinha Z

Dirigido por:

Eric Darnell, Tim Johnson, Lawrence Guterman

Com:

Philippe Catoire, Woody Allen, Sharon Stonemais

 

Fy

 

23 Comments »

  1. Fy, baseando-me numa abrangência mais global especificamente na América Latina, e esta experiência só comprova minhas convicções, serei ainda mais simplista. A/o Formiguinha Z foi um achado genial! Um movimento, e sua pauta afirma corretamente que, a base do capitalismo é “a liberdade das pessoas de usufruírem dos frutos dos seus trabalhos e/ou investimentos da maneira que melhor lhes convier”, eu diria que não há sistema que funcione se não tiver como base a meritocracia. O que mudará é a relação com o capital, já comentei no passado que o futuro não é nem o capitalismo atual muito menos o socialismo, e sim o que chamo de “Socialismo de Capital” por falta de outro nome, , aonde a sociedade será patrão e empregado ao mesmo tempo (através de participação nas empresas, que tambem teriam participação minoritária em alguns casos do Estado), aonde só não haveria meritocracia ao acesso dos serviços sociais e públicos principalmente educação e saúde, para todos os outros a meritocracia deve a regra fundamental, só assim haverá geração de riqueza sustentável, o que já não ocorre há algumas décadas em grande parte da Europa.
    Para finalizar uma sugestão de novo tópico relacionado: Até quando a China vai sustentar seu modelo não sendo uma democracia? O mundo estará preparado para quando esse dia chegar? O mesmo chines que começa a gostar de ganhar dinheiro começa a querer ter a liberdade de gastar aonde bem entender, com isso a mágica de baixo custo acaba e a democracia é eminente. Sim, porque o fim da escravidão também tem consequências. Parabéns como sempre!
    Isabel

    Comment by Isabel — 19/06/2014 @ 11:26 PM

  2. Bel, sobre o futuro do capitalismo, acho que além da meritocracia, outra palavra chave é eficiência. Para os governos, otimização dos recursos públicos. Sobre o “socialismo de capital”, acho que os últimos fatos vão um pouco na direção contrária. Te indico um texto (indicado pelo amigo Sandro Tavares) de Stephen Kanitz: http://www.administradores.com.br/informe-se/artigos/a-crise-e-do-capitalismo/61248/.
    Sobre o futuro da China, seu crescimento já começou a arrefecer. A medida em que os chineses vão ficando ricos, a mão de obra vai também ficando mais cara, apesar deles ainda disporem de um “exército” de reserva que equivale a seis vezes a população do Brasil, o que lhes dá pelo menos umas duas décadas de crescimento rápido.
    E assim como aconteceu com o Japão, o crescimento vai arrefecendo, as empresas vão procurando novas vantagens competitivas em outros países mais pobres e por aí vai… Quanto a chegada da democracia, certamente vai ocorrer muito antes da decadência. Muitos bilionários chineses já estão migrando para os EUA justamente a procura de liberdade. Mais cedo ou mais tarde, o governo chinês vai perder o controle que tem hoje. Graças ao capitalismo, os chineses também conquistarão a liberdade. Certamente vamos nos aprofundar também sobre este assunto. beijo a todos,
    tio Guz

    Comment by Gustavo — 19/06/2014 @ 11:34 PM

    • Gustavo, tem um texto muito bom do George Friedman, que afirma que a China se partirá em dois por volta de 2020, devido à pressões sociais decorrentes do enriquecimento de sua população, e consequente demanda por mais liberdade! Bom, o que vai acontecer depois…
      Dá uma olhada aqui:http://mansueto.wordpress.com/2012/01/23/por-que-os-iphones-nao-sao-fabricados-nos-eua/
      Mesmo que este modelo já comece a demonstrar esgotamento, eu penso que em casos muito específicos, principalmente porque não tem lugar nenhum no mundo com a quantidade de gente que tem na China, ainda mais se somarmos com a população de seus vizinhos tigres asiáticos! Já a Índia, tem uma vocação mais para serviços do que para produção, pois o idioma inglês os facilita!

      Comment by Alexandre Golaiv — 21/06/2014 @ 12:01 AM

        • Aloha, Alexandre, boa reportagem. Taí um sintoma que resume o livre mercado : A visão do Boston Consulting Group é otimista. “O custo de fabricar nos Estados Unidos está ficando competitivo, então consumidores poderão ao mesmo tempo comprar produtos ‘Made in USA’ e conseguir preços baixos”, prevê o diretor Justin Rose.
          Eu não entendo como se pode refutar o Mises.
          Abração
          TocaYo

          Comment by TocaYo — 21/06/2014 @ 12:14 AM

          • Claro que as empresas voltam da China para os EUA apostando no ‘made in USA’ .A formação de classe média chinesa torna mais caro produzir no país. Sem esquecer que fazer o caminho de volta traz produção – e empregos – para os Estados Unidos, em um momento que o governo luta pra que a economia volte a crescer.
            O crescimento da economia chinesa nos últimos anos foi tão forte que faltam trabalhadores pra vários setores estratégicos da indústria. Daí que…. funcionários historicamente mal pagos [ algo próximo US$ 1 por hora ] – blau-blau… começam a exigir dos seus patrões salários muito maiores e benefícios. É uma progressão natural, e que deve continuar. É preciso haver uma classe média na China e esse é só o começo disso. Se a China ficar brava, é só enviar este tal de Lula pra lá… pra ele fomentar uma revoluçãozinha cheia de ódio, entre os miseráveis e os que não querem mais ser miseráveis. Cuba, China e os fazendões de miseráveis….

            beijo menino,

            Comment by Fy — 21/06/2014 @ 10:58 AM

    • Venezuela hoje é um país quebrado: falta de tudo nos mercados e o governo só é bom em propaganda e perseguição. Agora deram para prender opositores, como sempre fazem nestes nefastos regimes e estão fazendo descaradamente no Brasil, manso Brasil. Até papel higiênico é artigo de luxo em supermercados. Os venezuelanos hoje, dizem nos protestos: ”Eu nunca vi as coisas tão ruins assim. É preciso pegar fila logo cedo para comprar farinha, açúcar e óleo de cozinha. A gente não acha comida nem peças pro carro. Esse país está sendo destruído”, palavras do segurança José Delgado, de 56 anos, morador de Caracas. E pra piorar, a Venezuela ainda não tem o seu jornal estatal semelhante ao Gramna cubano. Lá, na ilha dos Castro, o jornal do governo há décadas substitui direitinho o papel higiênico, naquela que é dada como a sua única e suprema função.

      Comment by Eduardo — 21/06/2014 @ 12:15 PM

      • E associar a falência do regime venezuelano à substituição de Hugo Chávez por Nicolás Maduro, como tentam, até pela falta de carisma do segundo, é um erro grave. 2014 marca o fim das ilusões, as dos venezuelanos, que durante mais de uma década se deixaram governar pelo populismo de Chávez, e as dos socialistas europeus, que viram no regime venezuelano um oásis de resistência contra a economia de mercado. Com fome nas ruas, com escassez de bens de primeira necessidade nas mercearias, com falta de medicamentos e com falhas sucessivas na rede eléctrica, o povo foi pra rua e disse basta. Subestima a degradação social e política dos últimos anos. É que, embora tenha morrido com o estatuto de herói popular, foi o Chávez quem trilhou o caminho para a ruína. Atropelou as regras institucionais do regime, tornando-o dependente na sua pessoa. Estrangulou a iniciativa privada. E apostou cegamente num modelo de investimento público insustentável, suspenso numa produção petrolífera em declínio. Quando chegou a sua vez, Maduro deu continuidade ao delírio. E fê-lo com uma obstinação invejável. Uma merda.

        Comment by Jorge — 21/06/2014 @ 12:20 PM

  3. Concordo, Guz. Mas o que generaliza as opiniões esquerdosas é um total desconhecimento do que falam, caso você tenha qualquer noção mais acadêmica sobre Capitalismo ou Economia. E é preciso especificar sobre qual capitalismo nos referimos quando associamos capitalismo e crise. Definindo corretamente de que capitalismo estamos falando, vamos entender quais os valores deste capitalismo que causaram a crise, lembrando que hoje temos vários capitalismos, como temos inúmeras versões possíveis de socialismo.

    Eu defendo o Capitalismo Democrático, enquanto que Martin Wolf, por exemplo defende o Capitalismo de Estado.Um dos valores do capitalismo tradicional e do liberalismo é: “coloque todos os seus ovos numa cesta, e cuide bem desta cesta”. O lance pode parecer estranho pra muitos, porque o mantra na imprensa econômico-financeira e do Financial Times tem sido “diversificar seus investimentos e não colocar tudo numa única cesta”. Mas este conselho, “cuide bem da cesta” está nos Axiomas de Zurique, de Max Gunther, uma das bíblias deste tipo de capitalismo. Estes capitalistas à moda antiga são a favor da “governância”, da responsabilidade no trato das finanças, da competência e da dedicação.Os liberais e os neoliberais querem que você tenha liberdade de escolher o Fundo de Garantia de Emprego que quiser, não aquele que rende menos que a inflação, determinado pelo Capitalismo de Estado.Você escolhe o seu Fundo de Pensão ou cuida você mesmo de uma carteira de ações, ao invés de entregar 30% do seu salário ao Fundo de Pensão do INSS, determinado pelo Capitalismo de Estado.Cuidar do seu próprio dinheiro faz parte do direito do homem, infelizmente esquecido pelos nossos governos.

    “Depositem 40% de impostos, comprem 100% de títulos públicos, que cuidaremos da sua “cesta”, da sua saúde, ensino e aposentadoria.”

    Será que entregar a sua cesta para outros cuidarem funciona? O tal do Martin Wolf acredita que sim. Ele acha que entregar sua poupança para um bando de jovens de Hedge Funds, Fundos Fechados, Fundos de todos os tipos, e diversificar em 10 aplicações diferentes que você honestamente não entende lhufas de nada, funciona.Mas isto não é capitalismo. Entregar a sua cesta para outros cuidarem é uma santa ingenuidade, mas é isto que hoje chamamos de Wall Street, não muito diferente do que prega o Capitalismo de Estado. “Dê-me seu dinheiro, e eu cuidarei dele por você” . Deu o que deu nos EUA e agora na EUROPA, duas faces da mesma moeda. “Cuidaremos de você e dos seus problemas.”

    Liberais e neoliberais acham que entregar dinheiro para os outros é uma furada. Por isto, são contra governos que tomam para si, e Hedge Funds que afirmam que cuidarão de você.Liberais acham que é melhor você cuidar do seu dinheiro, da educação do seu filho e da sua saúde que dá mais certo, liberdade hoje negada pelo Capitalismo de Estado e desaconselhada por jornalistas do Financial Times, em nome de seus anunciantes.Entregar 40% da sua renda para o Estado e não acompanhar o que eles fazem com o seu dinheiro gera incentivo à corrupção, óbvio.Colocar sua aposentadoria e fé numa promessa do Estado, é no mínimo ser irresponsável na minha opinião.Comprar títulos públicos sem saber o que os Capitalistas de Estado fazem de fato com seu dinheiro é comodismo, e novamente irresponsabilidade das grandes.Liberdade requer responsabilidades, a começar com o seu próprio capital, por menor que seja.
    A crise, nos Estados Unidos, foi devida aos milhares de americanos que em vez de cuidarem de suas “cestas”, entregaram o dinheiro de que dependerão para se aposentar a Fundos de Pensão. E mesmo aqui. no Brasil, o país da corrupção descarada, a maioria não tem a menor ideia do que o Fundo de Pensão do INSS faz com o nosso dinheiro, nem o Fundo de Pensão da Petrobras, Banco do Brasil, Caixa, BNDES, Vale do Rio Doce, e assim por diante.
    Estes Fundos de Pensão americanos entregaram o dinheiro dos trabalhadores a Bancos de “Investimentos” como Lehman Brothers, Bear Stearns, etc…, sem saber exatamente o que eles fazem com o dinheiro. O Ben Bernanke, pasmem, não controlava os Bancos de “investimentos” porque não faziam parte do sistema bancário.Isto não é capitalismo, isto se chama irresponsabilidade administrativa e convite à esperteza corrupta da Administração.
    abraço
    André

    Comment by André — 20/06/2014 @ 12:00 AM

    • Mas o que generaliza as opiniões esquerdosas é um total desconhecimento do que falam, caso você tenha qualquer noção mais acadêmica sobre Capitalismo ou Economia.

      “opiniões esquerdosas” é bom. Se bem que as “direitosas” não ficam nada atrás. O que eu percebo é uma saturação política mundial. E aqui no Br, pelo que eu estou vendo, só vejo safadeza descarada.

      beijo, André
      Fy

      Comment by Fy — 21/06/2014 @ 11:00 AM

  4. Putz Fy, eu nem elogiei o post. Muito bacana, Além do fator Economia, ressalta o fator humano, os despropósitos que o socialismo promove, e sua ineficiência comprovada através dos mesmos. Marx convida à degenerações como Stalin e aberrações do gênero. Stalin, o filho da puta que “levantou a Rússia” às custas da mais macabra tirania. Deve ser ídolo do lulalá, também.

    Comment by André — 20/06/2014 @ 12:13 AM

  5. Bom dia, haja chuva no litoral. Um pouquinho de humor, sarcasmo pra isto não virar Wall Street a beira mar:

    Ok, Atlântico!

    Nossos antepassados viveram milênios sem dinheiro. Mas hoje ele é imprescindível. Freud, com dinheiro, angariaria prostíbulos ao seu patrimônio material. Marx, com dinheiro, teria a detenção de uma Inglaterra inteira de Meios de Produção. Nietzsche compraria metade do Congresso – e acusaria a outra metade de algum crime constitucional processualmente longo, o que geraria capital simbólico para os veículos midiáticos o tempo suficiente para causar náusea-pós-leitura-de-jornal.

    Hoje você pode ser feio, burro, ignorante ou um habitante do Congresso, que o dinheiro te salva – aceito a ideia de que ficou meio redundante.

    As instituições religiosas entraram no negócio rápido. Veja o caso da Igreja Internacional, que criou um slogan exibindo sua proeminência espiritual: “A Salvação é apenas o começo!“; enquanto todas as outras prometendo apenas a salvação. Marketing imbatível. Respeitáveis e ingênuas palmas aos pastores criadores do slogan!

    Mas voltando ao foco. Dinheiro é sinônimo de meia-duzia de verbetes relacionados a satisfação e prazer pessoal.

    Aplico, então, o clichê básico dos altruístas e profetas de esquina: Viva! Coma. Durma. Corra. Aprecie. Vote na Dilma. Corra novamente. Grite. Siga-me no Twitter. Coma brócolis. Passe frio. Corra mais uma vez. Acampe. Faça amigos. Peça demissão. Leia. Corra no quarterão. Namore. Experimente. Engasgue-se. Caia. Pule. Corra mais um pouco. Consulte um médico para ver se correr está te fazendo bem. Siga Marx. Freud explica. Leia Nietzsche. Suicide-se – e mande um abraço a Michael.

    Rápida Observação: favor, antes de suicidar-se gaste todo o seu dinheiro, para movimentar a economia.

    Outra observação: eu quero é mais grana!

    Bom dia e bons filmes
    Gabriel

    Comment by Gabriel — 20/06/2014 @ 12:25 AM

  6. Gente, capitalismo de estado,democrátio ou socialismo de capital, considerando qualquer tipo de evolução, teríamos que ter por meta entendo que num capitalismo perfeito o estado deve garantir condições iguais de oportunidades e chances de sucesso para todos os cidadãos, independentemente de seu capital inicial. Em outras palavras todos terão as mesmas ferramentas (Educação, Saúde e Serviços Públicos), quem usá-la melhor (meritocracia) e aumulará mais capital e gerará mais riqueza para o Estado.(que sustentará a capacidade do Estado de manter sua capacidade de investir em saúde, educação e serviços públicos). A ingenuidade deste sistema exclue a CORRUPÇÃO. Estado é Corrupção. Abraços
    João Pedro

    Comment by João Pedro — 20/06/2014 @ 11:41 PM

    • teríamos que ter por meta entendo que num capitalismo perfeito o estado deve garantir condições iguais de oportunidades e chances de sucesso para todos os cidadãos

      – condições iguais geram chances de sucesso iguais. O que de mais claro ficou neste post do Rivera é que o socialismo nivelqa as chances. E é a esta barbaridade que eles chamam de “igualdade” , esta é a síntese de socialismo : por mais bordada e cintilante que a tornem. Só beócios não compreendem isto. Oportunidades iguais é o mínimo que se pode esperar de qualquer gestão…. mas o que cada um quer ou pode, resumindo, o que cada um fará com as possibilidades é um problema particular. Excluir diferenças é um perigo óbvio.

      “Tenho quase certeza, admirado Platão, que voce teria chacoalhado a cabeça em assentimento diante de um discurso coletivista de tal índole. O respeito pela vida e dignidade individuais nunca foi seu forte. Como dizem ironicamente os mirmecologistas Bert Holldobler e Edward O. Wilson, “ a vantagem competitiva que levou ao auge das formigas como grupo dominante em escala mundial é sua existência colonial, muito desenvolvida e com capacidade de sacrifício. Parece que o Socialismo realmente funciona em determinadas circunstâncias. Só que Karl Marx se enganou de espécie “.

      bj
      Fy

      Comment by Fy — 21/06/2014 @ 12:11 PM

  7. O socialismo, comunismo, o raio que o parta, é imoral, sim com certeza. Se não fosse nós teríamos aí verdadeiras potências e não tragédias. E mais a China quebrar não é novidade nenhuma, é o lugar de pior qualidade de vida pra quem é escravo, e não é milionário. è isto que o PT está impondo pra nós, a canalhada do poder continua milionária com o povo trabalhando pra eles. Sem maiores delongas, é isto aí. Ou este povão abre os olhos, ou então todos nós vamos ver o que é socialismo, na pele.

    Comment by Jorge — 21/06/2014 @ 12:31 AM

    • Aí Jorge, quero ver a cara desta cambada petista, porque isto não é esquerdista, !vamos frisar que direita mais sem-vergonha que o PT não tem! metida a intelectual repeteco, sambar e ter que levantar a bunda da cadeira e do chop pra encarar trabalho pesado. A Fy até publicou uma lista sobre os empregos disponíveis em Cuba, há uns anos atrás. Aliás, Fy, aqueles posts foram proféticos. Parabéns. . Até a cerveja vai ser racionada hahaha .

      Comment by João Pedro — 21/06/2014 @ 12:38 AM

      • Oi Jorge, o PT é sem-vergonha, aliás perdeu a vergonha completamente, do lado direito, esquerdo, de cima, de baixo, é uma sem-vergonhice transparente… descarada.

        bj
        Fy

        Comment by Fy — 21/06/2014 @ 10:46 AM

  8. Pois é … socialismo não vinga em nenhum canto, Marx errou mesmo de espécie ;;;;; dêem uma olhada: http://www.atheistrepublic.com/news/saudis-declaring-themselves-nonbelievers-growing-numbers

    Comment by Fy — 21/06/2014 @ 12:36 PM

  9. Oi pessoal! Oi Fy! Bom, acabei de ler o teu post. Nossa!, são tantas as questões a serem trabalhadas ao mesmo tempo – Nietzsche X Platão, Woody Allen X Platão e, finalmente, Nietzsche X Platão X Woody Allen – que acabei decidindo escrever um post (depois colo aqui nos comments)😀 Textos bons são sempre assim: instigantes, desafiadores, uma oportunidade para treinarmos a verve🙂

    Só para te adiantar, Nietzsche e Woody Allen abriram fogo contra Platão, é certo, porém, tanto o ponto de partida (premissas) como o de chegada (conclusões) de seus respectivos discursos diferem bastante. Woody Allen foi bonzinho… Nietzsche é perigosinho… não pelo que coloca em-si, mas devido às interpretações a que dá margem…

    Sobre utopias socialistas, PTs e esquerdas brasileiras, bem sabes o que penso: não passam de uma afronta à inteligência. Mesmo porque, já andei lendo alguns comentários, no que respeita a este “tópico”, e penso que não há nada a acrescentar. Por isso, vou me concentrar nos “filósofos”😉

    Beijokas e até!

    Comment by Miriam Waltrick — 23/06/2014 @ 1:36 PM

  10. que acabei decidindo escrever um post (depois colo aqui nos comments)😀 Textos bons são sempre assim: instigantes, desafiadores, uma oportunidade para treinarmos a verve🙂

    hahaha – “imagine” … se estamos te aguardando –
    bj
    Fy

    Comment by Fy — 24/06/2014 @ 12:11 AM

  11. Appreciating the persistence you put into your site and in depth information you present.
    It’s nice to come across a blog every once in a while that isn’t the same unwanted rehashed information.
    Wonderful read! I’ve saved your site and I’m adding your RSS
    feeds to my Google account.

    Comment by world finance loans — 01/11/2014 @ 7:49 PM

  12. matela

    Platão – Marx e a Formiguinha Z | windmills by fy

    Trackback by matela — 07/02/2015 @ 5:10 AM


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: